Acesso à informação Portal de Estado do Brasil  
Personal tools
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Página Inicial | Mapa do Site | English | Español
Sections
You are here: Home Imprensa Notícias 2010 Agosto 2ª semana Curso promove o uso eficiente de água na irrigação
Curso promove o uso eficiente de água na irrigação (16/08/2010)
Document Actions
Foto Embrapa
Curso  promove o uso eficiente de água na irrigação

Ainda que consolidado como o mais importante polo de fruticultura tropical do país, pela qualidade da sua produção agrícola e a participação nos mercados nacional e internacional, o submédio do vale do São Francisco ainda se ressente do uso pouco eficiente de um insumo fundamental: a água.

De acordo com o engenheiro agrônomo Marcos Brandão Braga, pesquisador da Embrapa Semiárido, não erra quem afirmar que a maioria absoluta dos agricultores irrigantes aplica água em excesso nas áreas que cultivam. Esta é uma realidade que pode ser estendida a todas as áreas irrigadas da região Nordeste e norte de Minas Gerais, revela.

Problemas

O IX Curso Manejo de Irrigação, que a Embrapa Semiárido realiza de 18 a 21 de agosto de 2010, no seu Escritório de Apoio, localizado no Centro de Convenções de Petrolina-PE, reúne uma equipe de pesquisadores da instituição especialista na interação solo-água-planta-atmosfera em torno de palestras sobre um conceito que consideram fundamental para ampliar a produção sustentada da agricultura regional, manejo adequado da irrigação.

Segundo Marcos Braga, o IX Curso consta de uma programação com palestras teóricas e aulas práticas. O foco são as soluções tecnológicas para a diversidade de problemas que fazem os agricultores errarem tanto na irrigação de seus cultivos. Talvez, o mais evidente e comum deles, seja a aplicação de água em excesso, mesmo entre aqueles que dispõem de sistemas automatizados de irrigação.

Exigências

Um equívoco que leva à repetição de erros dessa natureza, mesmo entre agricultores e técnicos experimentados, está na falta de um planejamento prévio da irrigação, sem precisar a demanda hídrica de acordo com as cultivares e tipo de solo. Como agravante, os sistemas de irrigação costumam ser dimensionados para vazões aquém ou além do necessário para suprir as culturas com a quantidade de água que faça expressar o potencial genético de produção, explica o pesquisador.

Ele afirma que a demanda hídrica varia de cultura para cultura e mesmo de variedade para variedade. Mangueiras Tommy Atkins e Kent ou Keith têm diferentes exigências de água, seja por características fisiológicas e anatômicas. O mesmo acontece com as uvas finas de mesa. Da mesma forma, o agricultor precisa considerar os estágios de desenvolvimento das plantas durante o ciclo produtivo.

Noite

O excesso de água nos pomares, implantados nos solos rasos da região afeta a qualidade das frutas e deprecia o valor de mercado. Contudo, outro problema sério é o aumento da água nos sistemas de drenagem, que terminam por carrear nutrientes e reduzir a fertilidade do solo, além de levar defensivos agrícolas para o lençol freático, o que é prejudicial ao meio ambiente.

O pesquisador explica que a programação do IX Curso está definida para atender profissionais como técnicos, engenheiros, consultores e irrigantes que já trabalham com agricultura irrigada  e necessitam se reciclar nessa área de conhecimento. Os conteúdos e práticas que serão apresentadas estão focados em permitir aos agricultores tomarem as decisões adequadas no planejamento da irrigação já a partir do momento que se toma a decisão de implantar um pomar. Para facilitar a participação desse público, o curso está marcado para acontecer no período da noite.

No evento, ainda vão ser trabalhados dois métodos para determinação de eficiência dos sistemas de irrigação localizada e que são pouco aplicados entre os técnicos da região. Um, o Coeficente de Uniformidade de Cristiansen (CUC) muito usado para avaliar os sistemas de irrigação por aspersão. O outro, Coeficiente de Uniformidade de Distribuição (CUD), para os sistemas localizados. Para Marcos Braga, são práticas que melhoram a gestão da aplicação da água de forma simples e com baixo custo.

As inscrições para o IX Curso de Manejo da Irrigação estão abertas no Escritório da Embrapa do Centro de Convenções de Petrolina (PE).

Contatos:

Marcos Brandão Braga - pesquisador;
marcos.braga@cpatsa.embrapa.br

Marcelino Ribeiro  (MTb 1127/BA)
marcelrn@cpatsa.embrapa.br

87 3862 1711

Pesquisar
neste portal
em toda a Embrapa


Índice A-Z
A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - K - L - M - N - O - P - Q - R - S - T - U - V - W - X - Y - Z

Fale Conosco

Twitter    Facebook    Youtube
Agenda de Eventos
3ª Mostra de máquinas e inventos para a agricultura familiar 08/05/2014 a 10/05/2014 Pelotas/RS
VI Congresso Brasileiro de Mamona 12/08/2014 a 15/08/2014 Fortaleza, CE
Simposio Latino Americano de Canola - SLAC 19/08/2014 a 21/08/2014 Embrapa Trigo, Passo Fundo, RS
Veja mais…
Enquete
Como você classifica a experiência de navegação no Portal:







Mais enquetes…