Taioba | Excelente fonte de ferro


A taioba é uma hortaliça da família Arácea sendo originária das regiões tropicais da América do Sul. É intensamente cultivada e consumida em países da América Central, África e Ásia. No Brasil, o maior consumo ocorre nos Estados da Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo. Na região Sudeste se consome a folha enquanto no Nordeste é comum o consumo do rizoma. A taioba é uma excelente fonte dos minerais Fe, P, Ca, K e Mn, comparando-se às fontes tradicionais desses elementos. As folhas são mais nutritivas que os rizomas e são muito usadas na cozinha mineira em substituição à couve.

A taioba é tipicamente uma hortaliça de uso regional, podendo ser facilmente confundida com plantas ornamentais não comestíveis da mesma família. As folhas são vendidas em maços e devem apresentar cor verde-escuro brilhante, estarem túrgidas e sem sinais de machucados e sem áreas escurecidas ou amareladas. Folhas mais novas, de menor tamanho, são mais macias e requerem menor tempo de cozimento.

As folhas se estragam rapidamente após a colheita devido ao amarelecimento e murchamento, além da alteração do sabor. Quando mantidas em condição ambiente, devem ser consumidas no mesmo dia ou até o dia seguinte à colheita. Em geladeira, podem ser mantidas por até uma semana desde que mantidas em sacos plásticos ou vasilhas de plástico.

As folhas e talos podem ser consumidos desde que refogados, pois a taioba não pode ser consumida crua. A taioba é indicada como substituta do espinafre e da couve em uma variedade de pratos tais como tortas, quiches e sanduíches. Na forma tradicional de preparo, as folhas são rasgadas entre as nervuras e refogadas em quantidade generosa de óleo ou azeite, juntamente com os talos. Somente adicione pequena quantidade de água se necessário, para evitar que grude na panela. O tempo de cozimento é maior do que o tempo necessário para o cozimento da couve e do espinafre, pois as folhas da taioba são mais consistentes. O rizoma da planta, parecido com o taro (ou inhame) pode ser cozido com arroz ou adicionado a picadinhos de carnes, sopas, cozidos e purês.


Receitas

Taioba refogada
Nível: fácil

Taioba com carne moída
Nível: fácil

Omelete com talo de taioba
Nível: fácil