Pular para o conteúdo

Pastagens

No Brasil existem aproximadamente 200 milhões de hectares de pastagens nativas ou implantadas, dos quais estima-se que cerca de 130 milhões estejam degradados e necessitem de alguma intervenção para reverter o estado em que se encontram. 
 
Tendo isso em vista – e também a forte demanda do setor agropecuário em relação a tecnologias sustentáveis , a Embrapa Agrobiologia vem atuando nesse tema a partir de duas linhas de pesquisa: uso de microrganismos para promoção de crescimento de diferentes forrageiras e utilização de práticas que estimulem o aumento dos níveis de matéria orgânica do solo, a partir da introdução de leguminosas.
 

Pesquisas:

O Brasil apresenta um grande potencial para o desenvolvimento de mecanismos de desenvolvimento limpo (MDL) criados pelo protocolo de Quioto como tenta ...

Este projeto visou à ampliação dos estudos sobre o potencial das técnicas de recuperação de áreas degradadas (RAD) e dos sistemas silvipastoris (SSP) ...

O foco deste trabalho foi avaliar a eficiência energética dos sistemas de integração lavoura-pecuária (SILP) propostos para regiões do Cerrado. A i...

Veja outras pesquisas da Unidade