Processo de hidrólise de celulose catalisada por celulases imobilizadas

 

 

 

 Sumário gráfico

 

 Panorama da
 Tecnologia

 

Celulases imobilizadas podem ser utilizadas repetidas vezes para catalisar a hidrólise de celulose. O uso de celulose com elevado grau de pureza, como a proveniente de processo organosolv, viabiliza o uso de reator contínuo e, no caso do uso de reator batelada, facilita a recuperação do biocatalisador por centrifugação ou filtração.  Na condição inicial da reação, a celulose e o biocatalisador encontram-se insolúveis no reator. Ao se completar a hidrólise da celulose somente o biocatalisador permanece insolúvel. Esta característica do sistema viabiliza a recuperação do biocatalisador.

 

 Vantagens e  Diferenciais
 da Tecnologia

 

- Imobilização de celulases viabiliza o seu reuso

- Redução no custo da hidrólise enzimática da biomassa lignocelulósica.

 

 Aplicações

 

- Hidrólise enzimática de biomassa para produção de etanol celulósico e bioprodutos.

 

 

 Estágio de
 desenvolvimento

 

 Oportunidades para
 transferência de  tecnologia

 

- Cooperação Técnico-Científica (co-desenvolvimento)

 

 Responsável

 

Dasciana de Souza Rodrigues