Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação

As pesquisas desenvolvidas na Embrapa Agrossilvipastoril buscam inovações tecnológicas sustentáveis para os sistemas integrados de produção agropecuária e para as principais cadeias produtivas representativas para o estado de Mato Grosso.

Com foco de atuação em sistemas integrados de produção na transição entre os biomas Amazônia e Cerrado, a Unidade conta com pesquisadores com as mais diferentes especialidades, trabalhando com temas como: manejo integrado de pragas, doenças e plantas daninhas, nematologia, fitotecnia, química, física e biologia dos solos, recursos hídricos, dinâmica de carbono, emissões de gases de efeito estufa, mudança do clima, agrometeorologia, agricultura de precisão, sensoriamento remoto, pós-colheita, manejo e restauração florestal, recursos genéticos, agroenergia, biomassa, sanidade animal, produção animal, manejo de pastagem, economia e desenvolvimento regional, fruticultura,etnobiologia, olericultura e piscicultura

A Embrapa Agrossilvipastoril ainda conta com pesquisadores de outras Unidades da Embrapa, que trabalham com cadeias produtivas específicas. Unidades como Embrapa Algodão, Embrapa Arroz e Feijão, Embrapa Florestas, Embrapa Informática, Embrapa Meio-Norte, Embrapa Milho e Sorgo e Embrapa Soja possuem pesquisadores lotados em Sinop.

 

Pesquisadores da Embrapa Agrossilvipastoril

Pesquisadores de outras unidades atuando em Sinop