Sistema de produção integrada - ilpf

A integração Lavoura-Pecuária-Floresta (iLPF) é uma das mais importantes estratégias para uma produção agropecuária sustentável, pois possibilita que as atividades agrícolas, pecuárias e florestais sejam integradas na mesma área.

A tecnologia consiste na diversificação e integração dos diferentes sistemas produtivos, agrícolas, pecuários e florestais, dentro de uma mesma área, em cultivo consorciado, em sucessão ou rotação *, de forma que haja benefícios para todas as atividades. Pode ser adotada por produtores rurais de todo o País, independentemente do tamanho de suas propriedades. Preconiza o uso de tecnologias conhecidas como sistema de plantio direto (SPD), fixação biológica de nitrogênio (FBN), conservação de solo e água, além da proteção ambiental.

Vantagens da iLPF

 

·         Maior produção em uma mesma área pela diversificação de culturas e criações.

·         Diversificação de receitas e segurança para o produtor (produção de grãos, carne, leite e produtos madeireiros e não madeireiros ao longo de todo o ano em uma propriedade rural).

·         Melhor uso dos recursos através da ciclagem de nutrientes promovida pela rotação/sucessão de culturas, consorciação, SPD, FBN e pela queda das folhas da árvores.

·         Conforto térmico para os animais proporcionado pela sombra das árvores.

·         Poupança verde – ex. colheita da madeira.

·         Redução do desmatamento devido à melhoria do solo e da produção através da diversificação de cultivos e criações.

·         Menor emissão de gases que causam o aquecimento global como resultado do emprego de técnicas mais sustentáveis

·         Maior demanda e utilização de mão de obra para manutenção dos diferentes componentes da iLPF (mão de obra para lavoura, para os animais e para a madeira).