Infraestrutura

A infraestrutura da Embrapa Arroz e Feijão abrange 02 propriedades em Goiás. A primeira delas é a Fazenda Capivara, com uma área de 1005 hectares e sede do Centro de Pesquisa situado no município de Santo Antônio de Goiás, distante 25 quilômetros do centro de Goiânia. A segunda propriedade é a Fazenda Palmital, campo experimental com 88 hectares, localizado no município de Goianira, às margens do Córrego Capivara. Nesta localidade, são conduzidas principalmente as pesquisas com arroz irrigado por inundação.

A Embrapa Arroz e Feijão abriga 15 casas de vegetação, 37 telados, 06 laboratórios e um Banco Ativo de Germoplasma, o qual armazena o acervo genético de sementes de arroz e de feijão coletadas no Brasil e em algumas partes do mundo.

A Embrapa Arroz e Feijão, em parceria com outras Unidades da Empresa, possui ainda sete núcleos regionais de pesquisa e transferência, com campos experimentais situados em Sinop (MT), Palmas (TO), Ponta Grossa (PR), Alegrete (RS), Aracaju (SE), São Luís (MA) e Lavras (MG).

Mais informações você encontra aqui, no "Embrapa Arroz e Feijão em Números" - (arquivo PDF).

Banco Ativo de Germoplasma

O Banco de Germoplasma da Embrapa Arroz e Feijão (BAG Arroz e Feijão) possui um acervo de 27.006 acessos de arroz e 17.346 acessos de feijão, incluindo-se variedades tradicionais, linhagens oriundas de programas de melhoramento do Brasil e de outros Países, amostras de populações de espécies silvestres, conservados e disponíveis aos usuários do BAG Arroz e Feijão.

Laboratórios

A Embrapa Arroz e Feijão possui 06 laboratórios, nos quais são realizadas análises para o desenvolvimento de cultivares e para o uso sustentável de tecnologias, que permitam maior produtividade, assegurem melhor qualidade do produto para o consumidor e reduzam impactos negativos ao meio ambiente.