27/10/16 |   Agroecologia e produção orgânica

Mapeamento mostra pontos de venda de produtos orgânicos em Campinas

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Alan Santos/Embrapa

Alan Santos/Embrapa - Daniela Maciel e Gusatvo de Alcântara (colaborador) durante a XIII SAOC.

Daniela Maciel e Gusatvo de Alcântara (colaborador) durante a XIII SAOC.

Um mapa interativo dos pontos de comercialização de produtos orgânicos do município de Campinas e região metropolitana foi desenvolvido pela Embrapa Monitoramento por Satélite (Campinas, SP), em parceria com a Rede de Agroecologia do Leste Paulista, Associação de Agricultura Natural de Campinas e Região (ANC) e Rede de Agroecologia da Unicamp (RAU). Denominado MapOrgânico, o mapa busca reunir para o usuário a localização de estabelecimentos que comercializam produtos orgânicos certificados - sejam feiras, restaurantes, ou pontos de venda direta, de forma a facilitar o acesso dos consumidores a tais produtos. O mapeamento foi apresentado durante a XIII Semana de Agricultura Orgânica de Campinas (SAOC), ocorrida entre 18 e 23 de outubro, em Campinas, SP, e está inserido nas atividades do projeto GPAF.

O MapOrgânico é fruto das discussões de um Grupo de Trabalho formado na XII edição da SAOC, ocorrida em 2015. "Ele está fundamentado no conceito dos Circuitos Curtos (CC), que considera, no máximo, um intermediário entre produtor e consumidor", comenta Daniela Maciel. Nele constam somente estabelecimentos que possuem produtos orgânicos certificados. Atualmente, existem 29 pontos de vendas validados pela equipe envolvida na construção do MapOrgânico e outros em processo de validação. "Recebemos vários contatos, que estão em processo de transição do convencional para o orgânico, mas só inserimos pontos que já possuem algum tipo de certificação", ressalta Daniela.

Os responsáveis pelos pontos de comercialização, já inseridos no MapOrgânico, valorizam a iniciativa. Ariana Monteiro, 33 anos, representante da Associação Cornélia, localizada em Campinas, compreende o MapOrgânico como uma vitrine que liga os pontos de comercialização com os consumidores. "Hoje em dia é difícil achar orgânico em Campinas. O mapa já traz a localidade certa. Para nós, isso é ótimo, pois divulga o nosso trabalho, ainda mais agora que começamos a crescer", ressaltou Monteiro, complementando que a Associação trabalha há mais de duas décadas com a produção de orgânicos.

As localizações dos pontos de vendas são inseridas de forma interativa. Os responsáveis pelos estabelecimentos preenchem um formulário on-line com informações quanto ao tipo de venda, tipo de certificação de orgânicos, localização geográfica, produtos, contato, horários de funcionamento etc. As informações são conferidas bem como a certificação dos produtos orgânicos do estabelecimento. Finalizada esta etapa, é gerado um ponto no mapa para que o usuário consulte as informações concedidas.

O MapOrgânico foi estruturado utilizando-se tecnologias simples e de fácil manuseio e
pode ser consultado aqui  e outros pontos de vendas podem ser inseridos, basta preencher o formulário.

 

Alan R. dos Santos (MTb 2625/CE)
Embrapa Monitoramento por Satélite

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Encontre mais notícias sobre:

campinasagricultura organicamaporganico

Conteúdo relacionado

Produtos, Processos e Serviços Ver mais

Serviço: Serviço web