17/05/17 |   Transferência de Tecnologia

Diretor de P&D da Embrapa destaca a inovação no agronegócio na Agrobrasília 2017

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Breno Lobato

Breno Lobato - Ladislau Martin Neto destacou o papel da inovação no agronegócio brasileiro

Ladislau Martin Neto destacou o papel da inovação no agronegócio brasileiro

O diretor-executivo de Pesquisa & Desenvolvimento da Embrapa, Ladislau Martin Neto, representou a Empresa na solenidade de abertura da Agrobrasília 2017 – Feira Internacional dos Cerrados na tarde de ontem (16). Principal feira de tecnologias do agronegócio do Centro-Oeste brasileiro, o evento é realizado pela Cooperativa Agropecuária da Região do Distrito Federal (Coopa-DF) até o próximo sábado (20) no Parque Tecnológico Ivaldo Cenci, localizado no Programa de Assentamento Dirigido do Distrito Federal (PAD-DF). A Embrapa participa da feira com uma vitrine de tecnologias desenvolvidas por 12 unidades e seus parceiros, e com palestras e eventos técnicos.

Também participaram da solenidade o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, o presidente da Câmara Legislativa do DF, Joe Valle, o secretário de Agricultura e Desenvolvimento Rural do DF, José Guilherme Leal, o presidente da Emater-DF, Argileu Martins, o representante do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) no Brasil, Hernán Chiriboga, o presidente da Coopa-DF, Leomar Cenci, o coordenador geral da feira, Ronaldo Triacca, e o diretor regional da TV Globo, Cláudio Corrêa.

Ladislau Martin Neto revelou a satisfação da Embrapa em participar da feira desde a primeira edição, em 2008. “A Agrobrasília, sem dúvida, tem destaque nacional, uma qualidade e um diferencial imensos”, afirmou. Ele lembrou os 40 anos da região do PAD-DF, atualmente uma das regiões produtivas mais tecnificadas do Brasil. “Estamos assistindo, hoje, uma história de grandes virtudes, realizações, permeada por muito esforço e sacrifício de pessoas e de gerações que construíram esta realidade”, disse.

O diretor de P&D da Embrapa apontou que, apesar das dificuldades econômicas vividas pelo País no momento, o agronegócio é um setor distinto. Após oito trimestres negativos no PIB, a economia brasileira avançou 1,19% no primeiro trimestre de 2017, de acordo com o monitor do PIB-FGV. “O grande protagonista desse crescimento é a produção, é a safra recorde de mais de 230 milhões de toneladas de grãos. Refiro-me a grãos, mas o agronegócio é muito mais do que isso. Esse diferencial é muito relevante para nosso país, principalmente num momento de tanta dificuldade”, explicou. “Isso não se faz com números e estatísticas, mas com dedicação, com investimento, com a inserção da tecnologia”, completou.

Inovação

Ao comentar sobre o tema desta edição da Agrobrasília, “Transmitir conhecimento garante inovação”, ele afirmou que a Embrapa, uma empresa de inovação, vê com grande honra o enfoque na questão. “É a nossa obrigação e estamos aqui com uma série de lançamentos, de variedades de soja convencionais e geneticamente modificadas, com o Sistema Filho, que integra fruteiras, lavoura e hortaliças, com os sistemas de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) e com o trigo tropical, a última commodity da qual o Brasil também vai se tornar protagonista com qualidade e diferencial, superando a necessidade de importação”, disse, citando algumas das mais de 30 tecnologias apresentadas pela Embrapa na feira.

Martin Neto agradeceu ao governador Rodrigo Rollemberg pelo apoio à Empresa ao longo da carreira política e como presidente do Fundo Setorial do Agronegócio. Ao falar sobre o levantamento realizado em parceria com a empresa de consultoria Kleffmann que apontou a adoção de sistemas de ILPF em 11,5 milhões de hectares em todo o País, o diretor ressaltou o protagonismo de Rollemberg – como senador, ele foi autor Projeto de Lei que institui a Política Nacional de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta, atual Lei 12.805/2013.

Para o diretor de P&D da Embrapa, o investimento em gestão e sucessão gerencial e na inovação são fundamentais para a superação de desafios futuros do agronegócio. “Não se trata somente de produzir. Temos a comercialização, a logística e uma série de desafios que estão associados. Cada vez mais, o investimento em gestão e inovação será o diferencial. Sabemos que a tecnologia é o mais relevante dos fatores de produtividade. Solo, água e recursos naturais são essenciais, mas a tecnologia é o diferencial que traz a competitividade”, afirmou Martin Neto.

“Esperamos permanecer aliados da Secretaria de Agricultura, da Emater-DF e de todos os empresários e agricultores que fazem da agricultura brasileira esse caso positivo, que auxiliará o Brasil a superar as dificuldades”, finalizou.

Menções à Embrapa

O governador Rodrigo Rollemberg agradeceu à Embrapa pela homenagem recebida durante a solenidade de comemoração aos 44 anos de fundação da Empresa, em abril. “Das coisas que mais me honram, é a possibilidade de ter podido apoiar a Embrapa como deputado, como senador e agora como governador, regularizando e dando a escritura definitiva de suas áreas no Distrito Federal”, declarou.

Rollemberg também incluiu a participação da Empresa ao analisar a evolução do PAD-DF em 40 anos de história. “Se no primeiro momento houve a ousadia e o empreendedorismo dos agricultores e no segundo momento a incorporação das tecnologias desenvolvidas pela Embrapa, de plantio direto, de ILPF, Tenho a convicção de que o momento agora é da implantação do polo agroindustrial do PAD-DF, que representará um salto para a agregação de valor à produção”, disse.

Já o presidente da Câmara Distrital, Joe Valle, ao cumprimentar Martin Neto, manifestou admiração pela Embrapa. “Acho que todos nós brasileiros, especialmente as pessoas ligadas à terra, têm que, em todos os momentos, ressaltar e brigar por quem nos faz crescer por meio da questão tecnológica, do conhecimento, do saber, que é a Embrapa. Vocês têm trabalhado com essa equipe maravilhosa que nos faz felizes e orgulhosos de ter essa empresa pública de verdade, trabalhando por todos os brasileiros”, destacou.

Breno Lobato (MTb 9417-MG)
Embrapa Cerrados

Telefone: (61) 3388-9945

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Galeria de imagens

Encontre mais notícias sobre:

cerradovitrine tecnológicaagrobrasília 2017ladislau