16/06/17 |   Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação

Pesquisadores e técnicos avaliam Projeto Centro-Sul de Feijão e Milho

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Emater PR

Emater PR -

Representantes do Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater PR), Instituto Agronômico do Paraná (Iapar), Embrapa, Instituto Agronômico (IAC), Prefeituras Municipais das áreas parceiras do projeto e da Syngenta, se reuniram em Ponta Grossa (PR) nos dias 7 e 8 de junho para avaliação da safra 2016/2017 e planejamento da safra 2017/2018.

O Projeto Centro-Sul é uma iniciativa que começou em 1999, coordenado pelo Instituto Emater PR, sendo direcionado à produção de feijão e milho, culturas consideradas tradicionais da agricultura familiar na região e contribui para a melhoria da produtividade, reforçando posição de destaque do estado do Paraná na produção dessas lavouras.

Os resultados, ainda parciais, dos 38 municípios da abrangência do projeto, obtidos na safra 2016/2017 foram apresentados aos 74 participantes e indicam que no período os agricultores obtiveram produtividades medias superiores à estadual para essas culturas, ou seja: foram acima de 2,6 toneladas para a cultura do feijão e acima de 9 toneladas na cultura do milho.

Só para se ter uma ideia, os dados estaduais da safra, em levantamento feito pela Conab, referentes ao mês de maio/2017, indicaram médias estaduais de 1,79 ton para a cultura do feijão e 6,2 toneladas para a cultura do milho.

A integração entre a extensão rural e as instituições de pesquisa, bem como, a metodologia trabalhada e as ações de difusão de conhecimentos estratégicos nas ações do Projeto Centro-Sul de Feijão e Milho, permitem que novas tecnologias cheguem mais rapidamente aos agricultores, impactando nos resultados alcançados.

Também, ações vinculadas a esse trabalho, permitem a produção de alimentos com maior qualidade para a população, e cuidados com o ambiente e com a segurança do agricultor na execução das atividades, promovendo o uso de boas práticas na produção.

Para o diretor do Instituto Emater PR, José Geraldo Alves, a importância do projeto como estratégia de trabalho da Instituições, e os resultados históricos obtidos com as ações da parceria interinstitucional no projeto tem melhorado no atendimento aos agricultores prioritários do serviço de extensão rural oficial do estado do Paraná.

Outra ação, também, tratada na reunião foi o planejamento para a próxima safra, visando qualificar as ações desenvolvidas e a definição das estratégicas a serem trabalhadas em 2017-2018 pelo corpo técnico envolvido no projeto.

Fonte: Germano Kusdra – Emater PR

Hélio Magalhães (MTb/MG 4911)
Embrapa Arroz e feijão

Telefone: (62)3533-2108

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Encontre mais notícias sobre:

projeto centro sul de feijão e milho