24/08/17 |   Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação

Estudos da Embrapa são apresentados aos novos adidos agrícolas

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Antônio Araújo/Mapa

Antônio Araújo/Mapa - Início do treinamento dos novos adidos agrícolas

Início do treinamento dos novos adidos agrícolas

No dia 21 de agosto, o analista Carlos Alberto de Carvalho esteve em Brasília, DF, para proferir uma palestra para os servidores que serão designados adidos agrícolas. A palestra fez parte do primeiro dia do treinamento dos novos adidos - que está sendo organizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) juntamente com o Ministério das Relações Exteriores (MRE). Carvalho apresentou o estudo de uso e ocupação das terras no Brasil e explicou como o Cadastro Ambiental Rural (CAR) trouxe uma visão - com mapas e números - da contribuição dos produtores rurais brasileiros na preservação do meio ambiente. Os servidores puderam, ainda, conhecer os resultados do trabalho sobre Agricultura e Preservação Ambiental, desenvolvido pela Embrapa Monitoramento por Satélite.  

Segundo informações do Mapa, os adidos atuarão, inicialmente, na Argentina, África do Sul, Arábia Saudita, China, Coréia do Sul, Índia, México, Rússia, Vietnã e Tailândia, podendo estender a missão outros países. No total, complementa o Ministério, serão 25 adidos cobrindo 41 países até 2019.

Os adidos agrícolas exercem suas atividades junto às representações diplomáticas no exterior e são responsáveis pelo atendimento dos interesses do agronegócio brasileiro em diversos países.

O primeiro dia do treinamento contou ainda com a participação do secretário-executivo do Mapa, Eumar Novacki, e do presidente da Embrapa, Maurício Lopes.

 

Alan Rodrigues (MTb JP/CE 2625)
Embrapa Monitoramento por Satélite

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Encontre mais notícias sobre:

mapaenglishcaradidoocupação das terrasinternacional