22/11/17 |   Agricultura familiar

Produção de mudas de quivizeiro em cultura de tecidos e viveiros é tema de curso na Embrapa Uva e Vinho

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: M. Francisca Canovas de Moura

M. Francisca Canovas de Moura -

Como produzir mudas sadias de quivi é o foco do curso que será ministrado nos dias 29 e 30 de novembro, no Auditório e no Laboratório de Propagação Vegetal da Embrapa Uva e Vinho em Bento Gonçalves, RS. O evento é uma promoção conjunta entre a Embrapa, o Departamento de Diagnóstico e Pesquisa Agropecuária (DDPA) da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Irrigação do RS (SEAPI), Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Secretaria Municipal de Agricultura de Farroupilha e Silvestrin Frutas.

O cultivo do quivizeiro no Sul do Brasil está diminuindo progressivamente, em decorrência de um complexo de doenças, dentre as quais destaca-se a “murcha por Ceratocistys”. A principal forma de transmissão dessa doença é o plantio de mudas contaminadas, problema difícil de contornar já que os produtores não têm tido acesso a material vegetal sadio, agravando o problema ao longo do tempo. Em função disso, técnicas preventivas são indispensáveis para a oferta de material propagativo superior, contribuindo para o fortalecimento da produção nacional de quivi, em detrimento do aumento da importação da fruta. Nesse contexto, o projeto em desenvolvimento, coordenado pela Embrapa Uva e Vinho em parceria com outras instituições de pesquisa, ensino, extensão e empresas do setor privado, busca aprimorar a produção de mudas de quivi, tanto in vitro quanto in vivo.

Atualmente, o Chile é o terceiro maior produtor mundial de quivi, detentor de tecnologias de ponta, cuja adaptação às condições brasileiras representaria avanços expressivos à cultura. Acredita-se que a vinda do Eng. Agr. Eusébio Diaz Fonseca (Viveros Biotecnia, Curico, Chile), ,profissional com comprovada experiência na área, vai trazer informações importantes para as técnicas de multiplicação de material sadio. Com método otimizado para diferentes cultivares de quivi, vai ser possível introduzir e produzir rapidamente mudas de cultivares que tenham maior aceitação pelo consumidor e, consequentemente, melhorem a renda dos agricultores.

O curso é direcionado a laboratoristas, responsáveis técnicos, viveiristas e acadêmicos. Apoiam o evento a Secretaria Municipal de Agricultura de Farroupilha e a Silvestrin Frutas. 

SERVIÇO

- O que: Curso “Produção de mudas de quivizeiro em cultura de tecidos e viveiros”

- Quando: 29 e 30 de novembro de 2017

- Onde: Auditório e Laboratório de Propagação Vegetal da Embrapa Uva e Vinho, em Bento Gonçalves, RS.

- Palestrantes: Eusébio Diaz Fonseca (Viveros Biotecnia, Curico, Chile); Lia Rosane Rodrigues (DDPA - SEAPI); Samar Velho da Silveira (Embrapa Uva e Vinho); Leonardo Guasso (UFRGS); Francisco Marodin (UFRGS)

Programação

Dia 29/11/2017

8h00: Inscrições

08h15: Abertura - Mauro Celso Zanus

09h00: Contextualização do projeto e objetivo de avanço tecnológico da propagação vegetal na cultura do quivi  - Samar Velho da Silveira, Embrapa Uva e Vinho

Painel 1: Métodos para micropropagação e limpeza clonal in vitro de quivi  Moderadora: Lia Rosane Rodrigues, DDPA - SEAPI

9h30: Método de propagação in vitro do quivi no Chile: Eng. Agr. Eusébio Diaz Fonseca (Viveros Biotecnia, Curico, Chile)

10h00: Intervalo

10h15: Continuação

11h00: Perguntas e respostas

11h40: Almoço

13h30: Detalhes práticos da produção in vitro de quivi - Aula prática - Eusébio Diaz Fonseca, Viveros Biotecnia, Curico, Chile

17h30 - Encerramento

Dia 30/11/2017

Painel 2: Métodos de propagação de mudas de quivi em viveiros - Moderador: Samar Velho da Silveira, Embrapa Uva e Vinho

8h00: Multiplicação de quivizeiro por estaquia: resultados de pesquisa Leonardo Guasso, UFRGS

8h30: Limpeza de material vegetativo de quivizeiro: resultados de pesquisa Francisco Marodin, UFRGS

9h00: Perguntas e respostas

9h20: Intervalo

9h40: Sistemas de propagação do quivizeiro empregados no Chile : in vitro, ultra rápido (UR), estaquia e sementes - Eusébio Diaz Fonseca, Viveros Biotecnia, Curico, Chile

11h00: Perguntas e respostas

11h30: Almoço

13h30: Detalhes práticos da técnica da produção de mudas em ambiente de viveiro; Aula prática - Eusébio Diaz Fonseca, Viveros Biotecnia, Curico, Chile

15h30: Intervalo

15h45: Continuação

17h00: Debate: Como enfrentar os desafios da produção comercial de mudas de quivi em viveiros no Brasil (Francisco Marodin, UFRGS; Leonardo Guasso, UFRGS; Eusébio Diaz Fonseca, Viveros Biotecnia, Curico, Chile; Lia Rosane Rodrigues, DDPA – SEAPI; Samar Velho da Silveira, Embrapa Uva e Vinho)

17h30 – Encerramento

As inscrições são gratuitas e as vagas limitadas. 

Para fazer sua inscrição acesse o formulário: https://goo.gl/rFPq1V

Para mais informações e para ver a programação completa do evento acesse:  https://goo.gl/Xxw3M9

 

M. Francisca Canovas de Moura (7168 DRT/RS)
Embrapa Uva e Vinho

Telefone: 54-3455-8120

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Encontre mais notícias sobre:

sanidadequiviprodução de mudascursofitopatologiamudakiwi

Eventos Ver mais

Wed Nov 29 00:00:00 BRST 2017 a Thu Nov 30 00:00:00 BRST 2017