29/11/17 |   Produção vegetal  Segurança alimentar, nutrição e saúde

Brasil e México compartilham experiências sobre conservação de recursos genéticos

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Divulgação Embrapa

Divulgação Embrapa - Dulce aproveitou a visita para conhecer bancos genéticos de instituições mexicanas.

Dulce aproveitou a visita para conhecer bancos genéticos de instituições mexicanas.

A pesquisadora da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia Dulce Alves esteve no México no período de 9 a 26 de outubro, onde participou da primeira fase do Curso Internacional de Administração de Bancos de Germoplasma. O curso, que terá ainda outras duas etapas a serem realizadas também no México, reuniu pesquisadores de 13 diferentes países da América Latina e Espanha. Além de Dulce, representaram o Brasil no evento o chefe do Serviço Nacional de Proteção de Cultivares do MAPA, Luís Gustavo Asp Pacheco, e o professor da Universidade Federal de Santa Catarina Rubens Onofre Nodari.

Segundo a pesquisadora, que é também supervisora do Sistema de Curadorias da Embrapa, a visita foi muito produtiva e possibilitou não apenas conhecer, como também compartilhar a experiência da Embrapa na área de recursos genéticos vegetais junto a instituições internacionais. “Foi uma excelente oportunidade para divulgar o nosso Sistema de Curadorias de Germoplasma, abrangendo atividades de conservação ex situ, in situ e a interface entre as duas”, ressalta.  

A Embrapa é responsável por um dos maiores Sistemas de Curadorias de Germoplasma Vegetal do mundo. São 148 bancos ativos de espécies de importância para a alimentação e a agricultura, fundamentais para o agronegócio e para a segurança alimentar da população brasileira. As ações envolvem 29 unidades de pesquisa da Embrapa de norte a sul do país, além de aproximadamente 70 instituições parceiras, totalizando mais de 300 pesquisadores.

Além do curso, no qual foram apresentadas diferentes metodologias de organização de dados sobre recursos genéticos, Dulce visitou instituições mexicanas que realizam pesquisa e conservação de recursos genéticos, incluindo Bancos Ativos de Germoplasma e Coleções de Base, e participou do XI Simpósio Internacional de Recursos Genéticos para as Américas e o Caribe, em Guadalajara.

“Foi uma ótima oportunidade também para divulgar o Portal Alelo”, afirmou Dulce referindo-se ao Sistema de Informação desenvolvido pela Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia para documentar e disponibilizar dados e informações relacionados a recursos genéticos de plantas, animais e microrganismos, com o objetivo de promover o uso sustentável desses recursos em prol da geração de novos produtos e tecnologias agrícolas. Trata-se de um sistema desenvolvido para web, em software livre, de acesso rápido e fácil para as unidades da Embrapa e outras instituições para documentar e disponibilizar informações sobre atividades de rotina e pesquisa de recursos genéticos animais, microrganismos e vegetais.

Uma das prioridades da Embrapa é promover colaboração com instituições parceiras de outros países para utilização do Alelo, de forma a enriquecer o Sistema com a maior quantidade possível de dados e informações.

Fernanda Diniz (MTb 4685/DF)
Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia

Telefone: (61) 3448-4768

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Galeria de imagens

Conteúdo relacionado

Soluções tecnológicas Ver mais

Serviço: Serviço web