09/01/18 |   Comunicação

Embrapa é destaque em reportagens vencedoras do Prêmio ABAG RP de Jornalismo

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Divulgação ABAG-RP

Divulgação ABAG-RP - Os premiados na categoria Profissional junto com José Hamilton Ribeiro (primeiro à esquerda).

Os premiados na categoria Profissional junto com José Hamilton Ribeiro (primeiro à esquerda).

Pelo menos quatro das nove reportagens classificadas no 10º Prêmio ABAG-Ribeirão Preto “José Hamilton Ribeiro de Jornalismo”, de 2017, exploraram tecnologias e depoimentos de pesquisadores da Embrapa para reforçar os conteúdos das redações e vídeos produzidos. Os vencedores receberam a premiação do próprio José Hamilton Ribeiro, em cerimônia ocorrida no começo do mês de dezembro de 2017, em Ribeirão Preto (SP).

O prêmio, que tem como objetivo incentivar e reconhecer o trabalho jornalístico dedicado à divulgação de assuntos relacionados ao agronegócio regional e nacional é composto de duas categorias – Profissional, que compreende as plataformas TV, Internet e Impressa;  e Jovem Talento, modalidades Impresso e Vídeo.

De autoria do jornalista da Agência Social de Notícias (ASN), José Pedro Soares Martins, a matéria “Golinho de café: riscos, oportunidades e informação no futuro do agronegócio” destacou as tecnologias da Embrapa Instrumentação (São Carlos – SP) para o saneamento básico rural e as pesquisas envolvendo drones. A reportagem venceu na categoria Profissional, plataforma Internet.

Pesquisador deste mesmo centro de pesquisa, Silvio Crestana integrou os depoimentos que fundamentaram a reportagem “Agronegócio: a aplicação da indústria 4.0 na melhora da produtividade e rendimento”, de Natan Novelli Tu, da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (USP). A matéria conquistou o primeiro lugar na categoria Jovem Talento, modalidade Impresso.

Outras duas reportagens nesta mesma categoria, nas modalidades Impresso e Vídeo apresentaram depoimentos dos pesquisadores Rodrigo Mendes, Jeanne Marinho-Prado, Maria Isabel Penteado e do chefe-geral da Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna –SP), Marcelo Morandi.  Ambas foram classificadas em segundo lugar.

 Publicada no final de janeiro de 2017 pela ASN, a reportagem de José Pedro Martins, além das tecnologias, explorou depoimentos do pesquisador Evaristo de Miranda, chefe-geral da então Embrapa Monitoramento por Satélite, atual Embrapa Territorial (Campinas – SP), destacou o projeto da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas – MG) em parceria com a Agência Nacional de Águas (ANA) e documentos estratégicos, como o “Visão 2014-2034 – O futuro do desenvolvimento tecnológico da agricultura brasileira”.

"É uma grande honra ter sido um dos vencedores do Prêmio ABAG-Ribeirão Preto "José Hamilton Ribeiro" de Jornalismo de 2017, por ser uma das premiações mais importantes de seu segmento”, disse o jornalista.

A reportagem destacou o papel das instituições de ensino e pesquisa em benefício da agricultura brasileira e os fatores fundamentais para que o agronegócio continue movimentando a economia de tantos municípios, como o de Itamogi, no sudoeste de Minas Gerais, principal polo produtor de café do Brasil e um dos maiores do mundo, explorado na matéria.  

No contexto das transformações tecnológicas, um dos fatores apontados pelo jornalista, a reportagem ressaltou a adoção do sistema desenvolvido para o saneamento básico rural e utilizado pelo produtor rural Flávio Marchesin, no sítio São João, na região de São Carlos.

“Na realidade, o Sítio São João se transformou em campo de ensaios, em função dos projetos que Marchesin mantém em parceria com órgãos de estudo e pesquisa como a Embrapa Instrumentação, USP e UFSCar. Ele descobriu que instituições de ensino e pesquisa oficiais na própria São Carlos poderiam estabelecer parcerias em projetos de novas tecnologias, visando o incremento da produtividade e – descoberta depois de algum tempo – o manejo agrícola de forma mais sustentável”, afirma Martins.

Desde 2004, o sítio São João adota a Fossa Séptica Biodigestora, destinada ao tratamento do esgoto doméstico, implementou unidades do Jardim Filtrante – para tratamento da chamada água cinza, àquela proveniente de chuveiros, tanques e pias – e o Clorador Embrapa, destinado à potabilidade da água.

Além das três tecnologias, a reportagem ainda aborda as pesquisas realizadas pelo pesquisador Lúcio André de Castro Jorge envolvendo drones, principalmente a parceria com a multinacional americana Qualcomm. O projeto prevê o desenvolvimento de sistemas de bordo com capacidade de coletar, processar, analisar e transmitir informações das lavouras em tempo real para os agricultores.

“Para mim foi um privilégio especial conhecer o trabalho da Embrapa Instrumentação, que vem desenvolvendo pesquisas em benefício direto de pequenos, médios e grandes agricultores, no rumo do aumento da produtividade e de soluções para os múltiplos desafios sociais e ambientais ligados à agricultura. O Centro é um exemplo evidente de como o investimento em pesquisa, de forma duradoura e consistente, representa retorno incalculável para o país e o seu povo", afirma Martins.

Para o chefe de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa Instrumentação, Wilson Tadeu Lopes da Silva, "além que produzir ciência, fundamental na pesquisa agropecuária, os resultados tecnológicos apresentados na reportagem mostram como é importante a adoção das novas tecnologias pelo setor produtivo, mudando conceitos e formas de produzir com responsabilidade ambiental e social, e sem perder o aspecto econômico, fundamentais para a continuidade das atividades do produtor agrícola".

Prêmio ABAG

O Prêmio ABAG-Ribeirão Preto de Jornalismo, criado em 2008, é um dos mais importantes na área do agronegócio no Brasil. Em 2011 passou a ser denominado Prêmio ABAG/RP de Jornalismo “José Hamilton Ribeiro”, em homenagem ao mais premiado jornalista brasileiro.

Participam do prêmio estudantes de jornalismo de várias universidades e faculdades em visitas a diversos locais de relevância para o agronegócio. Após as visitas, os estudantes são convidados a produzir textos e vídeos para participar da premiação.

O prêmio recebeu 146 matérias de 48 inscritos de 13 faculdades do interior e da capital. A relação dos premiados de 2017, bem como as reportagens podem ser conferidas no endereço:  http://www.premioabagrpdejornalismo.com.br/edicoes.php

 

Joana Silva (MTB 19554)
Embrapa Instrumentação

Telefone: (16) 2107 2901

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/