19/01/18 |   Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação

Parceria com setor produtivo fortalece pesquisas com coco

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Saulo Coelho

Saulo Coelho - Lessa (vice-pres. Aurantiaca) destacou papel da Embrapa

Lessa (vice-pres. Aurantiaca) destacou papel da Embrapa

A Embrapa Tabuleiros Costeiros formalizou nesta sexta-feira (19) um acordo de parceria para desenvolvimento de pesquisas na cultura do coqueiro com o Grupo Aurantiaca, um dos maiores produtores de coco verde e bebidas à base de água de coco do país.

O grupo possui mais de 6 mil hectares cultivados entre os municípios de Conde e Esplanada, no Litoral Norte da Bahia, e mantém na região o complexo Frysk Industrial, unidade de beneficiamento para a produção de bebidas e aproveitamento de 100% do coco na transformação dos seus componentes em produtos de alto valor agregado.

A assinatura do termo pelo chefe-geral, Manoel Moacir Macedo, e o vice-presidente do Grupo Aurantiaca, Roberto Lessa, aconteceu na sede da Unidade da Embrapa, em Aracaju. Dirigentes das duas organizações prestigiaram o evento, além da equipe de cientistas da Embrapa que atuam nas pesquisas com coco no Brasil há mais de três décadas.  

Experimentos
O termo de cooperação se desdobra em seis contratos, sendo um para cada experimento desenvolvido em parceria na área produtiva do grupo na Bahia. A duração dos experimentos varia de quatro a 14 anos, e a soma dos recursos empreendidos pelas duas organizações, entre pessoal, insumos de campo, equipamentos e processos supera os R$ 5 milhões. 

As pesquisas têm como objetivo principal promover a sustentabilidade e competividade da cultura do coqueiro no Brasil, com foco no desenvolvimento de tecnologias que promovam eficiência no uso de água no plantio, fixação de nitrogênio no solo, cultivo em consórcio com outras culturas, melhoramento genético para desenvolvimento de híbridos de alta qualidade e aproveitamento de resíduos. 

Após a assinatura dos contratos, Manoel Moacir apresentou a carteira de pesquisas voltadas à cultura do coqueiro no Brasil, lideradas pela Embrapa Tabuleiros Costeiros. Uma experiente equipe de pesquisadores conduz há mais de 30 anos estudos em diversas vertentes, que resultaram em diversas soluções tecnológicas para os produtores. São dezenas de projetos em execução envolvendo Unidades da Embrapa, instituições de pesquisa, universidades e parceiros privados.

Roberto Lessa acredita que a formalização dessa parceria irá gerar resultados relevantes para a produtividade e sustentabilidade da cultura no Nordeste e no Brasil, e destacou a importância do setor produtivo se aproximar de instituições sérias e de excelência técnica como a Embrapa. 

“É para o nosso grupo uma honra trabalhar em parceria com a Embrapa, uma organização que é referência para nós agrônomos e para o Brasil e o mundo. Estamos no começo dessa caminhada, e o trabalho começa de fato agora. Tenho certeza que os frutos colhidos serão de grande valor e servirão não só à nossa organização, mas à cocoicultura brasileira”, declarou.

Ao final do encontro, enquanto os participantes se refrescavam com água de coco, Macedo destacou a importância da Embrapa, uma empresa plural que pertence à sociedade brasileira, dialogar e se articular para desenvolver soluções em parceria com agentes do setor produtivo de todos os tamanhos e formatos.

“A pesquisa pública tem grandes desafios à sua frente, e a formação de parcerias com o setor produtivo é fundamental para fortalecer e ampliar os resultados”, afirmou.

Saulo Coelho (MTb/SE 1065)
Embrapa Tabuleiros Costeiros

label-contato-imprensa

Telefone: (79) 4009-1381

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Galeria de imagens

Encontre mais notícias sobre:

aurantiacaagua de cocofryskconde