06/03/18 |   Agricultura familiar  Agroindústria

Queijo artesanal das terras altas da Mantiqueira é foco de pesquisa da Embrapa

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Marcos Lopes La Falce

Marcos Lopes La Falce -

A Embrapa Gado de Leite deu início ao projeto que contribuirá para a caracterização do queijo artesanal produzido no município mineiro de Carvalhos, localizado na Serra da Mantiqueira. Segundo a pesquisadora Maria de Fátima Ávila Pires, o projeto é uma extensão do trabalho realizado recentemente no município de Alagoa – MG. O objetivo é estudar os aspectos que envolvem as características do solo e da água da região (aspectos físicos, químicos e microbiológicos), além da alimentação das vacas e as análises do leite e do queijo.

Será feito ainda o levantamento do processo de produção do leite e da fabricação do queijo, caracterizando o “saber fazer” da comunidade, ou seja, como os produtores construíram as tradições que resultaram no modo próprio de fazer o seu queijo artesanal.  A reunião dessas informações em um documento é uma das exigências do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) para a regulamentação do queijo artesanal. O trabalho está sendo realizado em parceria com a Emater.

A novidade dessa pesquisa, comparada com a que ocorreu em Alagoa, é a análise sensorial dos queijos. Serão coletadas amostras do produto em vários períodos de maturação. A Embrapa está qualificando provadores para avaliar elementos como aspecto geral, consistência, odor, aroma e sabor. A partir daí, serão definidas as características do produto, estabelecendo um padrão para o queijo artesanal de Carvalhos.

Para conhecer o trabalho que a Embrapa realizou em Alagoa, situada a cerca de 60 quilômetros de Carvalhos, clique no link.

Rubens Neiva
Embrapa Gado de Leite

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Encontre mais notícias sobre:

leitequeijomantiqueiraqueijo artesanalcarvalhospecuária leiteira