12/04/18 |   Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação

Pesquisador fala sobre desperdício de alimentos para professores da região de Ribeirão Preto

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Letícia Longo

Letícia Longo - Informação contra o desperdício: pesquisador Marcos David Ferreira vai mostrar aos professores como cada um pode ajudar a diminuir as perdas de frutas e hortaliças

Informação contra o desperdício: pesquisador Marcos David Ferreira vai mostrar aos professores como cada um pode ajudar a diminuir as perdas de frutas e hortaliças

     O pesquisador Marcos David Ferreira, da Embrapa Instrumentação (São Carlos – SP) é um dos palestrantes convidados para a abertura do 18º Programa Educacional “Agronegócio na Escola”, promovido pela Associação Brasileira do Agronegócio da Região de Ribeirão Preto. Ele vai abordar o tema "Educação e tecnologia contra o desperdício de alimentos". 

     O evento ocorre nesta sexta-feira (13), a partir das 14 horas, no Centro Avançado de Pesquisa Tecnológica do Agronegócio de Cana (IAC/Apta), localizado na Rodovia Antônio Duarte Nogueira - km 321 (Anel Viário Contorno Sul), em Ribeirão Preto.
Estarão presentes o ex-ministro da Agricultura e coordenador do Centro de Estudos do Agronegócio da Fundação Getulio Vargas (GV Agro), Roberto Rodrigues e os pesquisadores Caio Carbonari, da Unesp (Botucatu – SP) e Marcelo Morandi, chefe-geral da Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna – SP). 

     Com o programa educacional a ABAG/RP pretende apresentar os conceitos fundamentais do agronegócio, a interdependência campo-cidade, a dimensão e a importância do setor. Para tanto, são realizadas atividades de capacitação para os professores, com palestras e visitas em empresas da região de Ribeirão Preto.

     “É uma oportunidade de extrema importância para podermos mostrar aos professores que o Brasil chega a perder até 40% de suas frutas e hortaliças depois da colheita, mas que existem tecnologias para combater o desperdício e também como cada um pode contribuir para mudar essa situação, com atitudes simples como higienizar hortaliças ou mesmo conhecer o ponto correto de amadurecimento das frutas”, explica Marcos David.

      O Programa da ABAG/RP já beneficiou 213.745 mil alunos; somente em 2017 participaram 22.073 alunos, de 174 escolas, de 62 municípios da região; a abertura contou com a presença de 353 profesores. Em São Carlos, ano passado, as duas Unidades da Embrapa receberam um grupo de 70 professores, em junho, e 44 alunos de uma escola de Pitangueiras, em setembro.

Edilson Fragalle (MTB 21.837/SP)
Embrapa Instrumentação

Telefone: (16) 2107-2807

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Encontre mais notícias sobre:

pós-colheitadesperdíciopalestraprofessoresabag-rp