14/09/18 |   Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação  Transferência de Tecnologia

Embrapa realiza seminário sobre Cajucultura no Piauí

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Leto Saraiva

Leto Saraiva - Clones do BRS 226 em propriedade no sudeste do Piauí

Clones do BRS 226 em propriedade no sudeste do Piauí

O município de Picos (PI) sediará, entre 18 e 20 de setembro, o Seminário de Cajucultura promovido pela Embrapa Agroindústria Tropical. O evento tem como objetivo capacitar produtores de caju, técnicos e estudantes do sudeste do Piauí. Ao longo dos três dias, o público contará com atividades de consultoria técnica, cursos e palestras. O treinamento ocorrerá na Escola de Agronomia da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), no Campus Professor Barros Araújo.
A região de Picos é uma das maiores produtoras de caju do país. Por causa disso, o evento também é uma oportunidade de intercâmbio de conhecimento com os produtores locais afim de identificar possíveis demandas de pesquisa e capacitá-los quanto ao controle de pragas e doenças, manejo de pomares.
O território também é a “casa” do clone de cajueiro-anão BRS 226 Planalto. A espécie surpreendeu os agricultores pela produtividade, que já chegou a 800 quilos de castanha por hectare. A variedade tem se mostrado mais resistente a pragas e doenças, como a resinose – uma das principais enfermidades do cajueiro nos grotões e chapadas do Semiárido nordestino.
Para o pesquisador Fábio Paiva, da Embrapa, investir em ações em regiões com grande produtividade e processamento de caju é de suma importância não só pelo aspecto da formação em si, mas do conhecimento das cadeias produtivas. “Serão aplicados questionários a fim de identificar e qualificar os setores produtores de caju quanto a sua estrutura, produção e produtos processados”, explica. Além da Embrapa, a ação conta com a parceria da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), Sebrae, Emater/PI e Câmara Setorial do Caju – Picos.

Programação do Seminário:

18/09 (terça-feira)
8h às 8h30 - Solenidade de abertura
08h30 às 10h - Jardins clonais e principais clones de cajueiro
10h às 11h30 - Sistema de produção de mudas
13h às 15h - Sistema de produção do cajueiro
15h às 17h - Podas do cajueiro

19/09 (quarta-feira)
08h às 10h - Identfcação e manejo das principais doenças do cajueiro
10h às 12h - Identfcação e manejo das principais pragas do cajueiro
14h às 17h - Exploração integrada da cajucultura de sequeiro e irrigada

20/09 (quinta-feira)
08h às 11h - Prátcas: manejo, podas, pragas e doenças
14h às 16h - Boas prátcas na fabricação (BPFs) de castanha de caju

18 e 19/09 (terça e quarta)
Acompanhamento técnico a grupo de 10 agroindústrias de benefciamento de castanha e pedúnculo do caju.

Local do seminário: Escola de Agronomia da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), no Campus Professor Barros Araújo.

Ricardo Moura (DRT 1681 jpce)
Embrapa Agroindústria Tropical

Carlos Vinícius de Oliveira (estagiário de jornalismo)
Embrapa Agroindústria Tropical

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Encontre mais notícias sobre:

cajucultura