05/12/18 |   Florestas e silvicultura

Dia de Campo em Caçador aborda produção tradicional de erva-mate e restauração ambiental em SAFs

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Maria Izabel Radomski

Maria Izabel Radomski - Manejo tradicional da erva-mate é tema da Estação nº 1

Manejo tradicional da erva-mate é tema da Estação nº 1

Pesquisas relacionadas à produção tradicional de erva-mate e à restauração ambiental baseada em sistemas agroflorestais foram tema de Dia de Campo realizado na Estação Experimental da Embrapa (EEECaçador ) em Caçador/SC, em 29 e 30 de novembro.

O evento foi dirigido a técnicos e agricultores familiares da região Centro-Sul do Paraná e da região de Caçador. Na programação, saídas a campo, rodas de conversa para troca de experiências, além de discussões sobre o futuro dos sistemas agroflorestais, sobretudo os com produção de erva-mate associada.

No dia 29, um grupo de 50 participantes, entre técnicos e agricultores, visitou às áreas experimentais e recebeu informações de pesquisadores e técnicos da Embrapa Florestas. Foram montadas três estações:

1- Área de manejo tradicional da erva-mate (área de taquara manejada, com regeneração natural de bracatinga e plantio de erva-mate), com apresentação feita pelo pesquisador André Biscaia de Lacerda;

2- Área com sistemas diferenciados de condução da brotação da erva-mate, com apresentação dos técnicos Arnaldo Soares e Carlos Urio e

3- Sistemas agroflorestais com araucária, bracatinga, erva-mate e frutíferas nativas, com apresentação da pesquisadora Maria Izabel Radomski.

Na manhã do dia 30, foi realizada reunião técnica com a apresentação das pesquisadoras Evelyn Nimmo e Alessandra Izabel de Carvalho, da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), sobre o conhecimento ecológico tradicional na produção de erva-mate, atividade desenvolvida por meio do projeto Uso e Conservação da Araucária na Agricultura Familiar. Na sequência, houve debate sobre os processos e práticas vistas em campo.

Sobre os apontamentos feitos durante o debate, a pesquisadora Maria Izabel Radomski relata: “foram efetuados comentários sobre novas demandas de pesquisa, além das vistas em Caçador, tendo-se levantado nomes de agricultores interessados em replicar as pesquisas desenvolvidas na Estação em suas áreas particulares”. Os participantes também apontaram a necessidade de se manter um grupo de discussão permanente sobre os sistemas tradicionais de produção de erva-mate desenvolvidos, tanto na EEECaçador quanto nas propriedades dos agricultores familiares do PR e SC.

O Dia de Campo foi realizado pela Embrapa Florestas, pelo Centro de Educação e Desenvolvimento dos Sistemas Tradicionais de erva-mate (CEDErva) e pela Epagri, com o apoio do TNC.

Embrapa Florestas

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Galeria de imagens