22/11/22 |   Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação  Transferência de Tecnologia

4ª Festa do Morango reúne cadeia produtiva e festeja crescimento da cultura na região

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Foto: Rafael Dias

Rafael Dias - Seleções de morangos foram apresentadas na cerimônia de abertura

Seleções de morangos foram apresentadas na cerimônia de abertura

 

No final de semana dos dias 12 e 13 de novembro, aconteceu a 4ª Festa do Morango no Parque Stoneland, no distrito da Cascata, em Pelotas. Com o objetivo de fomentar a cadeia produtiva da fruta, 150 bancas foram destinadas para produtos, artesanato e agroindústria. A festa comemora a expansão da cultura na região, que cresce em número de produtores e de área cultivada. Hoje, Pelotas é o segundo lugar em número de produtores, com 200, e é o quarto produtor do morango no estado do Rio Grande do Sul.

Para os produtores, a chance foi de apresentar o trabalho diretamente para o consumidor e valorizar uma cultura de qualidade da região. O produtor João Carlos Bender vende morango para vários lugares do Brasil e recebe elogios aos materiais produzidos em Pelotas. “Nas outras cidades vejo o pessoal comentar que o nosso morango é mais doce, é mais graúdo, é mais saboroso; então, nós aqui temos qualidade, temos tamanho, temos variedades e temos solo para isso que é um importante da nossa região”, comenta.

O evento também abriu espaço para a tecnologia, com estandes da Emater-RS/Ascar e da Embrapa. No primeiro, os extensionistas tiraram as dúvidas dos produtores e apresentaram as novidades de tecnologias da cultura. No segundo, pesquisadores apresentaram os avanços da pesquisa e uma nova cultivar, que será lançada no início de 2023.

Nos dois dias de evento, mais de 25.000 pessoas visitaram o parque e a expectativa é de uma produção de 1700 toneladas de morango.

 

BRS DC 25

O DC no nome significa dias curtos, pois dá ao produtor a oportunidade de colher morango no final de maio, cobrindo um período de escassez da fruta no mercado. Além disso, o sabor tem o balanço adequado entre acidez e doçura e uma parede celular mais firme, proporcionando uma maior duração pós colheita e maior. Com maior durabilidade, o produtor consegue transportar a fruta com mais segurança e entregar um produto de maior qualidade para o consumidor.


Premiações
Concursos premiaram produtores em categorias específicas, e os vencedores foram:


Melhor Morango: Gederson Venzke
Maior morango: Paulo Hartwig
Morango mais doce: Elizane Hartleben
 
 

 

Gabriel Fritsch, sob orientação de Cíntia Franco (CONREP 3040/RS)
Embrapa ClimaTemperado

Contatos para a imprensa

Telefone: (53) 3275-8188

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Encontre mais notícias sobre:

selecao-de-morangosistema-de-producao-do-morangueiro