Laboratório de Nanotecnologia para o Agronegócio

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

A Embrapa Instrumentação conta, desde 2009, com o Laboratório de Nanotecnologia para o Agronegócio, sem precedente na comunidade nacional e internacional. O LNNA foi criado com o apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, por meio da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), para impulsionar as pesquisas no setor agropecuário, garantir sua competitividade, além de abrir possibilidades de desenvolver trabalhos na forma de facility com unidades da própria Embrapa e outras instituições de pesquisa pública e empresas do setor privado. Único em sua área de atuação, o LNNA é um centro de referência e está estruturado para desenvolver projetos de pesquisa em diferentes temas, como por exemplo, sensores nanoestruturados para avaliação da qualidade de água e alimentos (Língua Eletrônica); biossensores para diagnóstico de doença animal; nanomateriais para aplicação em fertilizantes; fármacos veterinários, pesticidas e defensivos com liberação controlada e localizada, para evitar efeitos indesejáveis e perdas; nanocompósitos de fontes renováveis; plásticos biodegradáveis reforçados com nanofibras; filmes comestíveis para revestimentos de alimentos, entre outras pesquisas de interesse do agronegócio.

Situação: concluído Data de Início: 12/2013 Data de Finalização: 11/2017

Unidade Lider: Embrapa Instrumentação

Líder de projeto: Luiz Henrique Capparelli Mattoso

Contato: luiz.mattoso@embrapa.br