Integração Lavoura-Pecuária: uma proposta de produção sustentável para a região do Cerrado

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Foto: LOBATO, Breno

A degradação das pastagens é um dos principais problemas da pecuária brasileira. Diversas estratégias de recuperação da produtividade das pastagens em degradação vêm sendo desenvolvidas pela Embrapa e outras Instituições de Pesquisa e de Ensino. Nesses estudos, a redução dos custos de recuperação de pastagens degradadas tem sido um dos focos principais. O sistema de integração lavoura-pecuária (SILP) tem se apresentado como uma das melhores alternativas para reduzir os custos com adubação em pastagem. Os SILPs têm potencial para aumentar a produtividade de grãos e de carne e leite e, ao mesmo tempo, reduzir os riscos de degradação dos recursos naturais. Os resultados obtidos com SILPs, no Cerrado, demonstraram os benefícios desse sistema na produção agropecuária e na melhoria das propriedades físicas, químicas e biológicas do solo. Além disso, os SILPs são extremamente interessantes por conferir elevada rentabilidade ao negócio com riscos relativamente baixos. Ademais, a maior sustentabilidade na agricultura de grãos, por exemplo, em razão da quebra no ciclo de pragas e de doenças e da melhora na qualidade física do solo, contribui, decisivamente, para a diminuição do risco do negócio. O SILP pode contribuir, ainda, para ampliar a área cultivada com grãos e para aumentar a produção animal sem a necessidade de abrir novas áreas de Cerrado ou de ecossistemas mais frágeis, como a Amazônia. Dessa forma, os SILPs parecem ser um dos caminhos para a sustentabilidade da produção agropecuária na região do Cerrado. Portanto, essa proposta tem por objetivos avaliar o potencial de sistemas de integração lavoura-pecuária (SILP) como alternativa sustentável em regiões agroeconômicas representativas na região do Cerrado e áreas limítrofes, implementando e ampliando ações de pesquisa onde serão aprofundados o conhecimento dos sistemas, com novas combinações de culturas, incluindo o componente florestal (SILPF), e consolidar metodologia de avaliação de sustentabilidade.

Ecossistema: Região dos Cerrados

Situação: concluído Data de Início: Thu Nov 01 00:00:00 BRST 2007 Data de Finalização: Sat Nov 30 00:00:00 BRST 2013

Unidade Lider: Embrapa Cerrados

Lider do Projeto: Lourival Vilela

Contato: lourival.vilela@embrapa.br

Galeria de imagens