Recomendações para avaliação de iscas tóxicas sobre as moscas-das-frutas Anastrepha fraterculus e Ceratitis capitata (Diptera: Tephritidae) em laboratório.

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Autoria: NUNES, M. Z.; BARONIO, C. A.; MACHOTA JUNIOR, R.; BORTOLINI, L. C.; PASINATO, J.; BALDIN, M.; SCHUTZE, I. X.; BOTTON, M.

Resumo: As iscas tóxicas têm sido uma ferramenta importante para o manejo das moscas-das-frutas no Brasil. De maneira geral, a tecnologia consiste na associação entre um atrativo alimentar e um agente letal que controla os adultos do inseto ao entrarem em contato ou se alimentarem da mistura. Como vantagens do uso da tecnologia, destaca-se o emprego de doses reduzidas de inseticidas e a possibilidade de diminuir a presença de resíduos tóxicos nos frutos, devido a aplicação ser realizada nas bordas dos pomares, nos troncos e/ou folhas, evitando atingir os frutos.

Ano de publicação: 2019

Tipo de publicação: Folhetos

Observação

Para ler algumas publicações da Embrapa (apenas as que estão em formato ePub), é necessário ter, no celular ou computador, um desses softwares gratuitos. Sistemas Android: Google Play Livros; IOS: iBooks; Windows e Linux: software Calibre.

 


Acesse outras publicações

Acesse a Base de Dados da Pesquisa Agropecuária (BDPA) para consultar o acervo completo das bibliotecas da Embrapa.
Visite a Livraria Embrapa para adquirir livros e outras publicações vendidas pela Empresa.