Dessalinização por osmose inversa: um estudo de caso em Petrolina-PE.

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Autoria: AMORIM, M. C. C. de; PORTO, E. R.; SILVA JUNIOR, L. G. de A.; LIBERAL, G. da S.

Resumo: O semi-árido do Nordeste brasileiro tem como característica principal as frentes secas que causam grandes impactos sociais e econômicos na região. A abertura de poços é uma alternativa comumente realizada, na tentativa de minimizar a falta de água no semi-árido. No entanto, a maior parte desses poços, assim como um grande número de reservatórios de superfície, apresentam águas com teores elevados de sais, inviáveis para o consumo humano e até mesmo animal. Embora essas a águas sejam impróprias para o consumo humano, existem alternativas tecnológicas capazes de viabilizá-las, a exemplo da dessalinização via osmose inversa. Trata-se da transformação de águas salinas em águas potáveis por meio de processo de separação por membranas, baseando no fenômeno natural da osmose, submetida a uma pressão mecânica externa.

Ano de publicação: 1999

Tipo de publicação: Folhetos

Observação

Para ler algumas publicações da Embrapa (apenas as que estão em formato ePub), é necessário ter, no celular ou computador, um desses softwares gratuitos. Sistemas Android: Google Play Livros; IOS: iBooks; Windows e Linux: software Calibre.

 


Acesse outras publicações

Acesse a Base de Dados da Pesquisa Agropecuária (BDPA) para consultar o acervo completo das bibliotecas da Embrapa.
Visite a Livraria Embrapa para adquirir livros e outras publicações vendidas pela Empresa.