Chave para a identificação das espécies de abóboras (Cucurbita, Cucurbitaceae) cultivadas no Brasil.

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Autoria: HEIDEN, G.; BARBIERI, R. L.; NEITZKE, R. S.

Resumo: Metodologia para identificação taxonômica de espécies de abóboras cultivadas (Cucurbita maxima, Cucurbita moschata, Cucurbita pepo, Cucurbita ficifolia e Cucurbita argyrosperma) - As abóboras cultivadas pertencem a cinco diferentes espécies, as quais são conhecidas por uma grande diversidade de nomes populares, particulares ou em comum, que confundem a correta identificação taxonômica da espécie. A carência de chaves taxonômicas no Brasil para a identificação das espécies cultivadas de abóboras, e o fato de que a maioria das chaves disponíveis em outros idiomas permite apenas a determinação taxonômica das três espécies mais comumente cultivadas (C. maxima, C. moschata e C. pepo), dificultam o correto reconhecimento e aproveitamento do potencial que estas culturas podem oferecer. A identificação adequada das espécies é essencial para atividades rotineiras de coleta, conservação, caracterização e multiplicação de acessos em um banco de germoplasma, e crucial para o sucesso de cruzamentos em programas de melhoramento. Além disso, sem uma correta identificação das espécies é difícil obter informações relevantes sobre estes cultivos. Para auxiliar na determinação taxonômica, esta publicação apresenta três chaves complementares de identificação, amplamente ilustradas com fotografias dos acessos do Banco Ativo de Germoplasma de Cucurbitaceae da Embrapa Clima Temperado. A primeira chave foi elaborada para identificação com base em caracteres vegetativos, a segunda em características dos frutos e a terceira para a identificação através de sementes. A diversidade morfológica entre as espécies cultivadas de Cucurbita é notável e, por isso, sempre que possível, mais de uma destas chaves deve ser considerada para confirmar a determinação de uma espécie. As informações das chaves são complementadas pelas fotografias que mostram características importantes para a identificação das espécies.

Ano de publicação: 2007

Tipo de publicação: Folhetos

Observação

Para ler algumas publicações da Embrapa (apenas as que estão em formato ePub), é necessário ter, no celular ou computador, um desses softwares gratuitos. Sistemas Android: Google Play Livros; IOS: iBooks; Windows e Linux: software Calibre.

 


Acesse outras publicações

Acesse a Base de Dados da Pesquisa Agropecuária (BDPA) para consultar o acervo completo das bibliotecas da Embrapa.
Visite a Livraria Embrapa para adquirir livros e outras publicações vendidas pela Empresa.