Biologia, visitantes florais e potencial melífero de Tapirira guianensis (Anacardiaceae) na Amazônia Oriental.

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Autoria: FERNANDES, M. M.; VENTURIERI, G. C.; JARDIM, M. A. G.

Resumo: Tapirira guianensis Aubl. é uma espécie arbórea, dioica, abundante nas florestas secundárias da Amazônia Oriental. Foram investigadas a biologia floral e a abundância e a riqueza dos visitantes florais, buscando informações para evidenciar o caráter generalista e a influência do tamanho dos insetos na visitação e no potencial melífero da espécie. O estudo foi realizado no Campus Experimental da Embrapa Amazônia Oriental, em Belém- PA, Brasil. Foram analisadas a fenologia e a morfologia floral, e realizados o teste de receptividade estigmática e as medições do volume e concentração de néctar, além da coleta e da identificação de visitantes florais. T. guianensis possui alta receptividade de estigma, ficando exposta aos visitantes por seis dias. Possui néctar com concentrações médias de açúcares nas flores estaminadas e pistiladas de 36,05 e 13,75% e volumes médios de 1,07 e 1,68 μL/flor, respectivamente. O volume do néctar por flor é considerado alto quando comparado ao de outras espécies de Anacardiaceae e sua concentração média é apreciada pelas abelhas. As ordens Hymenoptera, Hemiptera e Diptera apresentaram maior abundância, destacando-se a família Apidae com maior riqueza. O mais abundante visitante e potencial polinizador foi Trigona williana, em decorrência da presença de um ninho próximo aos indivíduos estudados; no entanto, esse fenômeno necessitará de futuros estudos para avaliar o nível de interferência da proximidade de ninhos naturais na visitação das plantas. T. guianensis é uma espécie primariamente melitófila, com recursos disponíveis para atrair uma grande diversidade de visitantes pequenos e generalistas, que poderão contribuir com a polinização.

Ano de publicação: 2012

Tipo de publicação: Artigo de periódico

Observação

Para ler algumas publicações da Embrapa (apenas as que estão em formato ePub), é necessário ter, no celular ou computador, um desses softwares gratuitos. Sistemas Android: Google Play Livros; IOS: iBooks; Windows e Linux: software Calibre.

 


Acesse outras publicações

Acesse a Base de Dados da Pesquisa Agropecuária (BDPA) para consultar o acervo completo das bibliotecas da Embrapa.
Visite a Livraria Embrapa para adquirir livros e outras publicações vendidas pela Empresa.