Germinação e morfologia de plântulas de Hymenaea oblongifolia var. oblongifolia (Fabaceae) em floresta de várzea do Estuário, Amapá.

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Autoria: VASCONCELOS, C. da C.; COSTA, J. B. P.; RIBEIRO, G. G.; GUEDES, A. C. L.; GUEDES, M. C.

Resumo: A árvore Hymenaea oblongifolia Huber var. oblongifolia (Fabaceae), conhecida como Jutaí, ocorre nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará e Rondônia. É frequente nas florestas de várzea e de terra firme [1]. A maioria das espécies desse gênero possui algum valor econômico, pois, fornece madeira de qualidade, valiosas resinas, frutos comestíveis e usos na medicina popular [2]. Desse modo, os estudos morfológicos auxiliam na identificação correta, interpretação de testes laboratoriais e o reconhecimento da espécie em bancos de sementes do solo e em fase de plântulas em formações florestais. Contribuem também para o estudo dos mecanismos de dispersão, sucessão e regeneração natural da espécie [3]. Neste contexto, o objetivo foi avaliar a germinação e descrever a morfologia das plântulas dessa espécie.

Ano de publicação: 2013

Tipo de publicação: Parte de livro

Unidade: Embrapa Amapa

Observação

Para ler algumas publicações da Embrapa (apenas as que estão em formato ePub), é necessário ter, no celular ou computador, um desses softwares gratuitos. Sistemas Android: Google Play Livros; IOS: iBooks; Windows e Linux: software Calibre.

 


Acesse outras publicações

Acesse a Base de Dados da Pesquisa Agropecuária (BDPA) para consultar o acervo completo das bibliotecas da Embrapa.
Visite a Livraria Embrapa para adquirir livros e outras publicações vendidas pela Empresa.