Compota clarificada de caju

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Foto: Noroes, Claudio

O produto consiste de cajus despeliculados imersos em uma calda clara e brilhosa, com uma leve coloração amarelo-palha. É uma compota rica em vitamina C. A adstringência e a acidez do caju são reduzidas devido à retirada da película e à incorporação de açúcar, o que lhe conferindo, conseqüentemente, um sabor mais suave que o do pedúnculo in natura. Na elaboração da compota clarificada de caju utiliza-se o pedúnculo inteiro ou em forma de rodelas sendo cozido no próprio suco de caju clarificado e concentrado a vácuo. Na obtenção da compota, os pedúnculos devem passar pelas operações de recepção, pesagem, seleção e lavagem para seguir para a operação de despeliculagem química, no caso de se utilizarem pedúnculo inteiro, sendo esta operação dispensada no caso de se utilizarem rodelas. A despeliculagem consiste na imersão dos frutos em solução de soda (hidróxido de sódio) a 1 - 2%, na temperatura de ebulição, durante 1 a 2 minutos. Em seguida as frutas são lavadas com água potável e submetidos a nova imersão em solução de ácido cítrico a 0,25% para neutralização da soda. Os frutos são, então, cozidos no suco de caju a 40º Brix por 20 minutos. Quando os frutos cozidos estão com a textura desejada, são separados do suco por drenagem, passando em seguida para o envase, que consiste em acondicionar a quantidade padronizada de frutos dentro da embalagem e completá-la com um novo suco (65º Brix a 90ºC). Após o enchimento das embalagens, estas são fechadas (recravadeira), e encaminhadas a um tratamento térmico por imersão em água fervente por 15 minutos. A padronização proporcionada pelo processo, a coloração clara e a elevada concentração de vitamina C são características que podem proporcionar ao produto a possibilidade de ser comercializado inclusive como produto funcional que redundaria em aumento do seu consumo com diferencial de preço. O produto favorece a utilização comercial do pedúnculo com aspecto impróprio para ser utilizado como caju de mesa e se apresenta como uma boa alternativa para o aproveitamento integral do caju, por evitar perdas de pós-colheita, possibilitando, assim a redução do desperdício do caju (pedúnculo), permitindo agregação de valor ao fruto, além de ser opção de renda para o produtor de caju.

Processo: Para produção de alimento Ano de Lançamento: 2007

Bioma: Caatinga

Unidade Responsável: Embrapa Agroindústria Tropical

Unidades Participantes: Embrapa Agroindústria Tropical

Onde Encontrar:
Embrapa Agroindústria Tropical
Rua Dra. Sara Mesquita, 2270 – Bairro Pici
CEP 60511-110
Fortaleza - Ceará
Telefone: (85) 3391-7100
Fax: (85) 3391-7109
E-mail: https://www.embrapa.br/fale-conosco/sac/
https://www.embrapa.br/agroindustria-tropical

Galeria de imagens