Mangaba – propagação por sementes

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

No viveiro da Embrapa Cerrados foram realizados experimentos para avaliar diferentes recipientes, substratos e adubações na produção de mudas de mangabeira por sementes, constatando-se a viabilidade de produção das mudas nas seguintes formas: 1) em sacos plásticos contendo areia grossa ou média de rio adubada com fertilizante de liberação lenta em 8-9 meses (15-09-12 + micro) incorporado na dose de 6 g por litro de areia ou areia + 10% de esterco bovino curtido + 3 g/litro do fertilizante de liberação lenta; 2) em tubetes com 19 cm de altura, 5,2 cm de diâmetro interno e capacidade para 280 mL de substrato comercial à base de casca de pinus, turfa, vermiculita e/ou fibra de coco, com a menor condutividade elétrica (CE) possível, ou solos arenosos onde a mangabeira ocorre naturalmente, os quais devem ser adubados com fertilizante de liberação lenta em 8-9 meses (15-09-12 + micro) incorporado na dose de 6 g por litro. Também, informações gerais sobre a obtenção, extração e conservação das sementes, semeadura direta de duas sementes por recipiente e posterior desbaste, práticas de manejo incluindo o controle das regas, doenças e pragas.

Esta solução tecnológica foi desenvolvida pela Embrapa em parceria com outras instituições.

Prática agropecuária: Prática agropecuária Ano de Lançamento: 2002

Bioma: Cerrado, Mata Atlântica

Onde Encontrar:
PEREIRA, E.B.C.; PEREIRA, A.V.; CHARCHAR, M.J.; PACHECO, A.R.; JUNQUEIRA, N.T.V.; FIALHO, J. de F. Enxertia de mudas de mangabeira. Planaltina, DF: Embrapa Cerrados, 2002. 26p. (Embrapa Cerrados. Documentos, n.65).

PEREIRA, E.B.C.; PEREIRA, A.V.; JUNQUEIRA, N.T.V. Propagação por sementes. In: SILVA JÚNIOR, J.F. da & LÉDO, A. da S. Eds. A cultura da mangaba. Aracaju: Embrapa tabuleiros Costeiros, 2006. P.91-109.