Algodão Colorido - BRS Safira

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Foto: SANTOS, Edna

A BRS Safira é uma cultivar de fibra colorida que possui ciclo entre 140 e 150 dias, com florescimento em 55 dias e altura média de 130 cm. Diferencia-se das demais cultivares de fibra marrom existentes no Brasil por apresentar coloração mais escura ou avermelhada, sendo, juntamente com a BRS Rubi, as duas primeiras cultivares do Brasil com esta característica de cor da pluma. Como toda cultivar de fibra colorida, embora sua cor seja bastante duradoura, deve-se evitar o prolongado retardamento da colheita, evitando exposição demasiada da fibra ao sol para que se obtenha uma coloração bem intensa da fibra. A BRS Safira, em suas avaliações, atingiu produtividade de 1.915kg/ha nas condições do Semiárido brasileiro. Como a incidência de doenças foliares e de solo é baixa no Nordeste, esta cultivar destina-se preferencialmente a esta região. Por ser naturalmente colorido, esta cultivar não passa pelos processos químicos de branqueamento e tingimento, gerando um produto final com possibilidade de uso por consumidores alérgicos aos compostos usados e/ou presentes nas etapas de processamento citadas. Além disso, se for produzido organicamente (sem uso de insumos e fertilizantes químicos), o produto poderá ainda ficar mais valorizado. Há, neste sentido, mercado potencial para a aquisição de artigos infantis, roupas íntimas, meias, lenços, agasalhos, camisetas, mantas e outras confecções.

O cultivo de algodão com fibra diferenciada é uma das opções para os pequenos agricultores agregarem valor a sua produção. O algodão colorido tem valor de mercado 20 a 30% maior que o algodão branco aumentando a rentabilidade dos produtores. A cadeia produtiva de algodão no Nordeste é constituída principalmente por pequenos produtores, com baixa rentabilidade, o que motivou o programa de melhoramento de algodões especiais da Embrapa a trabalhar no desenvolvimento de alternativas para agregar valor à produção.


Quem ganha com isso?
Pequenos produtores, artesãos, varejistas e consumidores

Abrangência geográfica
Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Pernambuco e Mato Grosso do Sul

Benefício econômico
A tecnologia tem muito potencial de se expandir em outras áreas de cultivo do algodão. O mercado ainda tem um tamanho pequeno, mas as roupas de algodão naturalmente colorido estão ganhando destaque no Brasil e no exterior.

Parceiros
Financiadora de Estudos e Projetos -FINEP, Banco do Nordeste-BNB e CNPq

Esta solução tecnológica foi desenvolvida pela Embrapa em parceria com outras instituições.

Produto: Cultivar Ano de Lançamento: 2004

Bioma: Cerrado, Caatinga

Onde Encontrar:
Embrapa Algodão
Rua Oswaldo Cruz, n° 1.143, Bairro Centenário
CEP 58428-095, Campina Grande-PB
Telefone: (83) 3341-4371
E-mail: cnpa.chtt@embrapa.br

Galeria de imagens