Panicum maximum - Massai

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Foto: Alva, Rodrigo Carvalho

A cultivar Massai, liberada em 2001, é um híbrido espontâneo entre Panicum maximum e P. infestum, e foi coletada na Tanzânia, África, pelo Institut de Recherche pour le Développement (IRD). A planta tem como característica o crescimento formando touceiras com altura média de 60 cm. Possui excelente produção de forragem com grande velocidade de estabelecimento e de rebrota, com média tolerância ao frio e boa resistência ao fogo. Quando comparado a cultivares de P. maximum, o capim-massai apresenta-se mais adaptado às condições de baixa fertilidade do solo, com boa resistência ao ataque da cigarrinha-das-pastagens. Avaliado sob pastejo rotacionado por quatro anos, suportou 3,1 e 1,2 UA/ha durante o período das águas e da seca, respectivamente, apresentando ganho médio de 620 kg de peso vivo por hectare ao ano.

Esta solução tecnológica foi desenvolvida pela Embrapa em parceria com outras instituições.

Produto: Cultivar convencional Ano de Lançamento: 2001

Unidade Responsável: Embrapa Gado de Corte

Unidades Participantes: Embrapa Gado de Corte

Onde Encontrar:
Nas empresas associadas da UNIPASTO*, nas empresas de sementes em geral e em lojas agropecuárias.
*http://www.unipasto.com.br/associados/

Galeria de imagens