Convertido de: Caracterização e seleção genética para eficiência alimentar em bovinos Nelore avaliados no Estado de Goiás

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Foto: Bastos, Fabiano

O projeto visa à identificação, à caracterização molecular e à seleção genética de bovinos da raça Nelore superiores para eficiência alimentar (EA), utilizando caracteristicas como consumo alimentar residual (CAR), ganho em peso residual (GPR) e consumo e ganho em peso residual (CGR). Estudos demostram que há variabilidade genética para essa característica, sendo possível reduzir o custo com alimentação e os impactos ambientais da pecuária de corte em 20% ou mais, sem comprometer a produção. Atualmente, o desenvolvimento das técnicas biomoleculares tornou possível um avanço nos estudos relacionados ao uso de marcadores associados a características de importância econômica, principalmente as de difícil ou onerosa mensuração como as características indicadoras de EA. Os animais serão fenotipados mediante protocolo de avaliação de desempenho padronizado, com mensuração de ingestão de matéria seca, ganho de peso e gordura subcutânea, entre outras características. Os dados serão utilizados em avaliações genéticas por métodos quantitativos, utilizando metodos frequentistas e adotando como modelo para predição dos valores genéticos o melhor preditor linear não viesado em passo único (ssGBLUP). Os animais serão genotipados para identificação e validação de marcadores moleculares SNP (do inglês Single Nucleotide Polimorphism) para caracteristicas indicadoras de EA. Os efeitos e variâncias dos marcadores SNPs serão estimados pela metodologia WssGWAS. A partir desses resultados, será realizada a prospecção de genes para identificar os SNPs que apresentarem associação com o CAR e identificar genes que influenciem a expressão dessa característica. Os valores genômicos (GEBVs) serão preditos por meio das soluções dos modelos Bayes A, Bayes B, Bayes Cπ, BLASSO e ssGBLUP. Além disso, serão testados diferentes pseudofenótipos e esquemas de validação. Os animais utilizados no projeto são oriundos dos melhores criatórios da raça Nelore, participantes do Teste de Desempenho de Touros Jovens, avaliação realizada pela Embrapa em Goiás desde 1997. Os testes serão realizados no Centro de Desempenho Animal do Núcleo Regional Embrapa Cerrados, localizado na Embrapa Arroz e Feijão. O Centro conta com áreas de pastagens formadas a partir de práticas sustentáveis de agricultura, baseadas em Integração Lavoura-Pecuária, além de estruturas de manejo montadas com base em etologia e bem-estar animal. Também conta com estrutura de confinamento para a avaliação de desempenho e eficiência alimentar, onde além do conforto animal, busca-se a adequação às exigências ambientais e a utilização dos resíduos do confinamento para o aumento de produção forrageira por meio da utilização do esterco e do chorume na fertilização dos pastos. A utilização das metodologias clássicas e moleculares são as principais ferramentas para acelerar a identificação e multiplicação de animais fundamentais para o processo de seleção, trazendo, dessa forma, respostas mais rápidas para o direcionamento das ações. Isso atende à crescente demanda de bovinos nutricionalmente mais eficientes e que produzam de forma sustentável carne de elevada qualidade no Cerrado goiano.

Situação: concluído Data de Início: 01/2019 Data de Finalização: 10/2020

Unidade Lider: Embrapa Cerrados

Líder de projeto: Claudio Ulhoa Magnabosco

Contato: claudio.magnabosco@embrapa.br

Galeria de imagens