29/12/21 |   Forestry and silviculture

Série temática sobre germinação de espécies amazônicas ganha novos títulos

Enter multiple e-mails separated by comma.

Photo: Ronaldo Rosa

Ronaldo Rosa - As espécies têm a importância comercial reconhecida, seja pela utilidade e valor da madeira ou possibilidade de uso no sequestro de carbono.

As espécies têm a importância comercial reconhecida, seja pela utilidade e valor da madeira ou possibilidade de uso no sequestro de carbono.

Com os últimos lançamentos editoriais da Embrapa Amazônia Oriental (Belém, PA) a respeito de sementes florestais, sobe para 50 a quantidade de espécies arbóreas amazônicas que contam com obras dedicadas ao processo de germinação. Essas espécies têm a importância comercial reconhecida, seja pela utilidade e valor da madeira ou possibilidade de uso no sequestro de carbono, em sistemas silvipastoris e agroflorestais, consórcio em cultivos agrícolas, arborização urbana, movelaria, aplicações medicinais e cosméticas, entre outras.

São 11 novos títulos vinculados à temática “germinação de sementes de espécies amazônicas”. No formato de comunicados técnicos, contêm informações úteis ao planejamento e produção de mudas dessas espécies, cujos nomes populares são (clique neles para ir direto à publicação): bordão-de-velho, freijó, copaíba-marimari, cumaru, timborana, fava-de-impingem, ingá-cipó, pau-de-bálsamo, pracuúba, pau-pombo e abiu-ucuubarana.

“Cada um dos trabalhos reúne e detalha, mas de forma resumida, a base do conhecimento que permite a obtenção de sementes de qualidade para atender demandas de restauração florestal, recuperação de áreas alteradas e plantações consorciadas, entre outras finalidades”, exemplifica o pesquisador da Embrapa Eniel David Cruz, autor e coordenador das edições.

O pesquisador ressalta o caráter prático de publicações desse tipo. Segundo ele, as informações técnicas comunicadas podem ser imediatamente aplicadas por usuários da tecnologia, como técnicos, produtores, viveiristas, extensionistas, professores, estudantes e demais agentes da cadeia produtiva.

Linha editorial

A série Comunicados Técnicos, à qual pertencem as novas obras, traz recomendações objetivas e resumidas, transmitidas em linguagem técnica simplificada e tópicos breves.

“São produtos editorais com padrões de edição próprios, dentro de uma linha mais ampla de publicações da Embrapa dirigidas à transferência de tecnologia”, destaca Narjara Pastana, supervisora editorial da Embrapa Amazônia Oriental, o centro de pesquisa responsável pelas edições. Nessa mesma linha editorial se enquadram também as tradicionais séries Documentos, Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, Circular Técnica e Sistemas de Produção, entre outras.

Cada comunicado técnico editado dentro da temática de germinação de sementes de espécies amazônicas traz os aspectos gerais da espécie (sinônimos científicos, nomes populares, ocorrência da espécie, importância e características da madeira) e os específicos (dispersão, coleta, transporte, beneficiamento, biometria, germinação e armazenamento), com ilustrações e gráficos enriquecendo o conteúdo.

Eniel David Cruz é autor dos trabalhos sobre freijó, timborana, ingá-cipó, pracuúba e abiu-ucuubarana, tendo nos demais a coautoria dos pesquisadores da Embrapa Arystides Resende Silva e Tadário Kamel de Oliveira (bordão-de-velho), o engenheiro-agrônomo do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará Kleber Farias Perotes (copaíba-marimari e pau-de-bálsamo), o engenheiro-florestal Hélio Brito dos Santos Júnior (fava-de-impingem) e a engenheira-agrônoma Hellen Síglia Demétrio Barros (cumaru e pau-pombo).

Espécie por espécie

Todas as publicações estão disponíveis gratuitamente no Portal Embrapa, a plataforma on-line da instituição. Além do acesso direto às obras (nos links sobrepostos aos nomes populares das espécies), outra opção de encontrá-las facilmente é aqui, no repositório de informação tecnológica da Embrapa denominado Infoteca-e. Para encontrar os novos comunicados técnicos rapidamente na página inicial da Infoteca-e, basta inserir no mecanismo de busca o título geral Germinação de sementes de espécies amazônicas, seguido do nome popular da espécie procurada.

As 50 espécies florestais amazônicas que já tiveram comunicados técnicos da Embrapa publicados sobre a germinação das sementes são as seguintes, por ordem de publicação desde 2014 (ano do início da série): paricá, jatobá, sucupira-da-terra-firme, fava-arara-tucupi, angelim-vermelho, pracaxi, maçarandubarana, ingá-costela, ucuúba, maçaranduba, gombeira-escamosa, ajaraí, marupá, ingá-pau, mogno, cajuí, tauari-branco, acapu, cutite, pau-preto, abiu-cabeça-de-macaco, louro-roxo, abiu-quadrado, faveira-folha-fina, mututi-da-terra-firme, acariquara, araracanga, acapurana, ingá-peludo, assacu, abiu-rosadinho, faveira-preta, breu-vermelho, tuturubá, visgueiro, muirapiranga, palheteira, matamatá-ripeiro, guajará-bolacha, bordão-de-velho, freijó, copaíba-marimari, cumaru, timborana, fava-de-impingem, ingá-cipó, pau-de-bálsamo, pracuúba, pau-pombo e abiu-ucuubarana.

Izabel Drulla Brandão (MTb 1084/PR)
Embrapa Amazônia Oriental

Press inquiries

Further information on the topic
Citizen Attention Service (SAC)
www.embrapa.br/contact-us/sac/

Notícias