As geotecnologias e a informação geoespacial assumiram importância estratégica tanto para a gestão de recursos e elaboração de políticas públicas quanto para a tomada de decisão em diferentes segmentos. Com a agropecuária não é diferente e, por isso, a Embrapa utiliza dados, mapas e imagens obtidas por satélites e outros instrumentos, há mais de 30 anos, para acompanhamento da dinâmica da produção rural no País. 
Agora, por meio da plataforma o Geoinfo – Infraestrutura de Dados Espaciais da Embrapa, a Empresa passa a compartilhar com a sociedade brasileira os dados espaciais decorrentes de suas pesquisas e vincula-se à Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais (Inde) com um nó próprio. Clique no banner ao lado para acessar.