Recomendações para entrega de originais

Recomendações para entrega de originais

1 Gravar os textos originais no programa Word (somente a última versão) e enviá-los via e-mail ou serviço de armazenagem em nuvem, ou em CD ou DVD. Não enviar originais incompletos ou não concluídos.

2 Fazer numeração progressiva (hierarquização) nos títulos, subtítulos e subsubtítulos. Para isso, deve-se classificar cada título e subtítulo do documento com algarismos arábicos, conforme sua hierarquia (para facilitar sua identificação durante o processo de formatação).

Exemplo:
1. Breve histórico da agricultura no Brasil
1.1 Século 19
1.2 Século 20

Quando da formatação definitiva, essa indicação numérica é suprimida, obedecendo à tendência dos padrões estéticos da editoração moderna, que dispensam tal recurso. Por isso, é importante que o autor não faça remissivas numéricas ao leitor, quando precisar dirigir a leitura às diferentes seções da obra.

Os capítulos deve apresentar a mesma estrutura/padronização (ex.: todos devem apresentar Introdução, Considerações gerais, etc.)

3 Citar as figuras e as tabelas no texto em ordem sequencial. Não usar os termos quadro, boxe, etc. Abrir numeração própria para cada capítulo.

4 Indicar no texto (com legenda) o local em que as figuras serão inseridas.

5 Indicar abaixo das legendas o crédito de autoria e fonte das ilustrações, se houver.

6 Informar o programa utilizado na elaboração das tabelas, se for diferente do utilizado no texto.

7 As tabelas devem ser editáveis (Excel, Word), para permitir modificações, se necessário.

Os gráficos também devem ser editáveis, por isso, devem ser enviados em Excel.

8 Informar nome completo, formação acadêmica, o mais alto grau acadêmico, a função na empresa e a localidade da instituição do(s) editor(es) técnico(s) e/ou do(s) autor(es), para constar da página de autores.

9 Gravar as ilustrações em diretório separado e específico (informando o programa  e a versão utilizada). Identificá-las no arquivo com a numeração correspondente à do texto original (Exemplo: Cap1_fig2). Identificar os créditos de autoria junto da legenda, no texto original.

10 Gravar as fotografias digitais, em formato JPEG, em diretório separado e específico. Identificá-las no arquivo com a numeração correspondente à do texto original (Exemplo: Cap3_fig12). Identificar os créditos de autoria junto da legenda, no texto original.

11 Fotografias

Fotos digitais – são cada vez mais utilizadas hoje em dia e, com isso, é muito importante considerar alguns detalhes de forma a melhorar sua qualidade para edição de obras. Fotos para impressão precisam ter alta resolução, ou seja, 300 DPI. Já as destinadas à Internet (assim como para livros digitais) podem ter baixa resolução, ou seja, 72 DPI. Para obter fotos com qualidade editorial mínima, recomenda-se a regulagem da máquina digital acima de 5 (cinco) megapixels.

Ao se fazer o tratamento de imagens, deve-se convertê-las para o padrão de cor adequado, CMYK para impressão, e RGB, para Internet. O padrão de cor ideal para correção da imagem é o RGB, pois alguns recursos de tratamento não funcionam em CMYK.

Dimensão – A foto deve ter dimensão superior ou igual ao tamanho que se deseja imprimi-la (seja para a capa ou para o miolo), por isso, é importante inicialmente definir a finalidade da imagem.

Qualidade – Nunca usar fotos desfocadas, azuladas, desbotadas, superexpostas ou com problemas de contraste, pois isso resulta em perda substantiva da qualidade final de impressão. Fotos desfocadas não podem ser corrigidas pois não existe programa de computador com essa funcionalidade.

Evitar o uso do recurso de datar a imagem. Sempre que possível, evitar o uso de canetas ou outros objetos, para comparar tamanhos entre objetos ou para identificar doenças, por exemplo (dê preferência ao uso de réguas). Manter a foto em sua forma original.

Autoria – Todas as fotos usadas em qualquer produto editorial devem ser identificadas sempre com o nome do autor (pessoa-física).

Autorização – Para a utilização de fotos é necessário solicitar a autorização de uso por escrito ao autor ou ao proprietário dos direitos autorais patrimoniais. A celebração de um instrumento que autorize o uso da foto é a única forma de garantir sua utilização, com a devida segurança jurídica.

Arquivos – Todas as fotos devem ser identificadas e gravadas em diretório separado e específico, em arquivo RAW e/ou JPG. As imagens não devem ser gravadas em programas como Word, Power Point, Corel Draw, Ilustrator, etc.

Identificá-las no arquivo com a numeração correspondente à do texto original (Exemplo: Cap3_fig12). Identificar os créditos de autoria junto da legenda, no texto original.

12 Enviar autorização por escrito do uso de fotos e ilustrações originais ou reaproveitadas de outras publicações.

13 Fontes, notas, citações e referências devem estar revisadas pela bibliotecária da Unidade Responsável pelo Conteúdo e/ou pela Unidade Responsável pela Edição.

14 Antes do encaminhamento da obra para publicação, o Chefe da Unidade ou o Gerente-Geral da Embrapa Informação Tecnológica, quando for o caso, deve obter assinatura do(s) autor(es) no Termo de Reconhecimento, no caso de obra coletiva ou do Termo de Cessão dos Direitos Patrimoniais, no caso de obra individual ou em coautoria.