Apresentação


 

A Embrapa Roraima tem o prazer de convidá-lo para o I Simpósio de Pragas Quarentenárias na Amazônia Brasileira, que acontecerá dias 05, 06 e 07 de maio de 2015 em Boa Vista-RR no Auditório do PRONAT/UFRR. O simpósio tem como objetivo discutir a vulnerabilidade da Amazônia Brasileira à entrada de pragas quarentenárias.

Nos últimos anos, sete pragas quarentenárias entraram no Brasil por esta região: a mosca-da-carambola (Bactrocera carambolae), a sigatoka-negra-da-bananeira (Mycosphaerella fijiensis), a mosca-negra-dos-citros (Aleurocanthus woglumi), o ácaro-hindustânico-dos-citros (Schizotetranychus hindustanicus), o ácaro-vermelho-das-palmeiras (Raoiella indica), a cochonilha-rosada (Maconellicoccus hirsutus) e o besouro-da-acerola (Anthonomus tomentosus).

Além dessas, há pelo menos 66 pragas quarentenárias ausentes (A1) já estabelecidas nos países pan-amazônicos e algumas apresentam alto risco de entrada.

Serão abordados no simpósio os fatores que favorecem a entrada de pragas na Amazônia Brasileira; os impactos econômicos, ambientais e sociais da introdução de novas pragas no Brasil; as principais pragas que entraram e apresentam risco de entrada na região; e as medidas de prevenção, controle e erradicação.

No final do evento, será realizada uma reunião para elaboração de um documento com sugestões de ações a serem tomadas para se minimizar o problema de entrada e dispersão de pragas quarentenárias na Amazônica Brasileira. Também serão propostos projetos de pesquisas em rede para realização de estudos com: métodos de monitoramento e identificação, potencial de distribuição e estabelecimento de novas pragas, impactos econômicos e controle preventivo de pragas quarentenárias.