Softwares para manejo de precisão e análise econômica de florestas plantadas

 

Interessados em plantios florestais com fins econômicos têm agora acesso gratuito a softwares de manejo de precisão e análise econômica de florestas plantadas, com modelagem de crescimento e produção. Desenvolvidos desde a década de 1980 pela Embrapa Florestas (PR) e em uso por mais de 300 empresas, as versões básicas da Família SIS estão agora disponíveis para acesso dos interessados.

Os softwares da Família SIS são simuladores para manejo, análise econômica, modelagem e de crescimento e produção de florestas plantadas utilizados para auxiliar no planejamento dos desbates (colheitas parciais, retirando-se linhas e/ou árvores selecionadas). Os usuários podem utilizar os softwares para testar todas as opções de manejo da floresta para cada condição de clima e solo, fazer prognoses de produções presente e futura, efetuar análises econômicas e, depois, levar para o campo apenas a melhor alternativa.

Os softwares possuem um ágil processo de entrada e integração de dados. Podem ser simulados desbastes das florestas com previsão do crescimento e produção anual do povoamento e o sortimento de madeira por classe diamétrica para usos múltiplos das árvores provenientes dos desbastes e do corte final. 

Com a quantificação da madeira produzida por tipo de utilização industrial, o produtor pode manejar suas florestas para a produção de madeira direcionada ao uso mais rentável.

Usuários que quiserem versões aprimoradas específicas para suas realidades, ainda vão poder contar com o trabalho de adaptação dos softwares via comercialização, mas a ideia é tornar acessível estas ferramentas em seu nível básico ao maior número de usuários possível

Há 20 anos, quando os softwares começaram a ser desenvolvidos, essa ideia ainda não era difundida, mas já era certo que florestas conduzidas sem base científica levam a um grande desperdício de recursos econômicos e ambientais.

Hoje, uma prática muito presente no setor de base florestal é o manejo de precisão, que utiliza as bases da agricultura de precisão com a inclusão do uso das dimensões das árvores para descrever a variabilidade da floresta. Com isto, os critérios para o manejo adequado são aprimorados, auxiliando na definição de tratos silviculturais em cada árvore (poda, desbaste imediato ou futuro, ou permanência até a colheita final), considerando fatores como as distribuições de diâmetro e altura de todas as árvores, sua qualidade, ocupação do dossel e área da copa.

Os softwares são denominados por "SIS" seguidos pelo nome popular do gênero ou espécie contemplada: SisEucalipto (Eucalyptus grandis, E.urograndis e E.dunnii); SisPinus (Pinus caribaea, P.elliottii e P.taeda); SisTeca (Tectona grandis); SisAcacia (Acacia mearnsii); SisAraucaria (Araucaria angustifolia); SisBracatinga (Mimosa scabrella), SisCedro (Toona cilliatta - Cedro-australiano) e SisMogno (Khaya ivorensis).

Todos podem trabalhar associados ao Planin, um software que gera parâmetros para análise econômica da produção florestal. Ao incorporar essa questão, é possível uma visão conjunta de variáveis biológicas e econômicas, e isso permite uma configuração de cenários para o planejamento da produção florestal com otimização da produção madeireira e dos retornos financeiros. "Qualquer atividade hoje necessita conhecer melhor seus fluxos de caixa, a sensibilidade do negócio, os custos envolvidos, entre outros. A atividade florestal, por ser de médio a longo prazo, precisa estar associada a esse tipo de planejamento, que é fundamental para o sucesso do negócio", orienta Oliveira.

 

Manejo florestal

O manejo de plantações florestais envolve desbastes de diferentes tipos, intensidades e épocas, e variações na idade do corte final. Estes tratamentos variam em função de fatores como: espécie plantada, objetivo industrial da produção qualidade do local (solo, clima), material genético, espaçamento e densidade. Basta que apenas um destes fatores seja alterado para que o regime ideal de manejo seja diferente.

A importância dos regimes de manejo é decorrente do seguinte motivo: à medida que as árvores crescem em um reflorestamento, aumenta a competição entre elas por água, luz e nutrientes. Por este motivo, são realizados desbastes que visam reduzir o excesso de competição assim como antecipar alguma renda ao produtor. O mais comum é remover as árvores de qualidade inferior (dominadas, bifurcadas, tortas e doentes). Quando a competição volta a ocorrer de forma mais intensa, novos desbastes devem ser realizados, retirando-se linhas e/ou árvores preservando-se as árvores de melhor qualidade.

 

Os softwares

 Para operacionalizar os simuladores "Sis", o usuário fornece os dados de inventário da floresta e os softwares prevêem o crescimento e produção, indicando o quanto de madeira a floresta produz, em qualquer idade. Eles possibilitam simular desbastes e testar qualquer regime de manejo que se deseja aplicar nos povoamentos (Figura 1).

 

Esquema do crescimento em volume em função da idade, de uma floresta com desbastes (a, b e c) e sem desbaste.
Figura 1. Esquema do crescimento em volume em função da idade, de uma floresta com desbastes (a, b e c) e sem desbaste.

 

O sistema auxilia as tomadas de decisões sobre:

* quando, quanto e como desbastar e quando fazer o corte final.

O sistema indica:

* o crescimento e produção da floresta, a produção por classes de diâmetro e o volume de madeira por tipo de utilização industrial (Figura 2).

 

Tronco com exemplo de sortimento em função de tipos de Toras

Figura 2. Tronco com exemplo de sortimento em função de tipos de Toras.

 

Os softwares permitem calcular biomassa e carbono de compartimentos das árvores, em função de equações que o usuário pode introduzir. No caso da acácia-negra, p.ex., pode-se estimar peso de casca.

 

Tabelas de crescimento e produção do Software (Ex: SisPinus)

Tabelas de crescimento e produção do Software

Tabelas de crescimento e produção do Software

 

Modelo de gráfico gerado pelos Softwares

Modelo de gráfico gerado pelos Softwares

 

Gráfico após realização de desbaste aos 9 anos

Gráfico após realização de desbaste aos 9 anos

Software gratuito

Para aquisição gratuita, clique no link abaixo e indique o nome do software desejado (SisAraucaria, SisBracatinga, SisCedro, SisEucalipto, SisDunnii, SisSaligna, SisP.caribaea, SisP.eliottii, SisP.taeda, SisTeca, SisMogno, Planin, Planin_Matte, Planin_Pupunha).