Processo de fabricação de biofertilizante

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Foto: REZENDE, Francisco Vilela

Resíduos agroindustriais podem ser um problema ambiental se não utilizados na forma adequada. Por outro lado, a adubação é uma das operações mais custosas para a agricultura e responsável por boa parte do custo de produção das hortaliças. Esses resíduos podem ser bem aproveitados como fontes de nutrientes para a agricultura e podem, em proporção e forma adequadas, serem utilizados como fertilizantes, além de terem potencial de reduzir o custo de produção de hortaliças e melhorar a qualidade do solo.

O biofertilizante é um adubo orgânico líquido utilizado para complementar a adubação de fertilizantes sólidos e que pode ser produzido dentro da propriedade rural, com materiais fáceis de serem encontrados no comércio e até na propriedade, cuja preparação ocorre em um tempo relativamente curto.

Ele fornece nutrientes essenciais para as plantas e auxilia no controle de doenças e de insetos por conter microrganismos benéficos ao solo. É aplicado via pulverizações nas folhas ou junto com a água de irrigação, propiciando uma resposta mais rápida que os fertilizantes sólidos. Utiliza-se na concentração de 2% para mudas e 5% para plantas no campo.

A parte sólida do biofertilizante também pode ser utilizada para adubação de covas, ou empregada como inóculo para nova compostagem. As etapas de preparo do biofertilizante são:

1) mistura dos ingredientes (terra de mata, composto orgânico ou esterco; farelo de arroz ou algodão; farelo de mamona; farinha de ossos; resíduo de sementes; cinzas; rapadura ou açúcar mascavo; amido de mandioca e água).

2) adição de água em um tambor ou bombona plástica.

3) agitação três vezes ao dia, durante cinco minutos, ou aeração com auxílio de compressor de ar, em intervalos programados de uma hora. Após 08 dias, o biofertilizante pode ser utilizado.

É indicado para preparo e uso pelos produtores de hortaliças convencionais e orgânicas em todas as regiões do território nacional. Espera-se que a preparação do biofertilizante na propriedade possa contribuir para redução dos custos com adubação, aumento na sustentabilidade dos cultivos, na qualidade do solo e na produtividade.

Processo: Processo para produção de fertilizante, corretivo, remineralizador e substrato Ano de Lançamento: 2007

Bioma: Amazônia, Cerrado, Mata Atlântica, Caatinga, Pampa, Pantanal

Unidade Responsável: Embrapa Hortaliças

Unidades Participantes: Embrapa Hortaliças

Onde Encontrar:
Publicação "Aprenda como se faz: biofertilizante": https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/102912/1/biofertilizante.pdf

Galeria de imagens