História das Unidades Embrapa

História das Unidades Embrapa

Projeto editorial

 

Cada título desta categoria contará a história de uma Unidade da Embrapa, de acordo com a metodologia proposta para coleta, análise e seleção de dados e de informações.

O projeto editorial dos títulos desta categoria terá as mesmas características do de livro, e, portanto, a edição de cada título poderá obedecer a instruções constantes em projeto gráfico que lhe seja específico, ou que se assemelhe  ao de livros publicados pela Embrapa, desde que tal projeto siga as normas de padronização constantes neste Manual.

A primeira capa deve apresentar o Selo da Memória Embrapa.

Selo Memória Embrapa - 52 KB (EPS)
Para revisão de textos, devem-se seguir normas de padronização e de correção ortográfica, linguística e estilística constantes neste Manual.

Roteiro-padrão de conteúdo

Organização do conteúdo

O enfoque dos tópicos (subtítulos 1, 2 e 3 grafados em cor, forma e tamanho diferenciados, em conformidade com projeto gráfico do miolo) dos capítulos certamente será amplo, dada a diversidade histórica de cada Unidade da Embrapa. Portanto, a organização de conteúdo de cada capítulo deve obedecer a uma ordem cronológica, ou seja, o relato dos fatos históricos deve seguir uma sequência de data de sua ocorrência. Por exemplo: relatam-se, primeiramente, fatos ocorridos no início do ano, ou de uma determinada década, para somente depois narrar fatos ocorridos no fim desse mesmo ano ou dessa década.

Caso os capítulos contenham imagens (fotos, mapas, figuras, etc.), além de em pequeno número essas devem vir próximas à informação que ilustram e ser tratadas, editorialmente, de forma que se evite a transformação do relato histórico em relatório de atividades, ou mesmo em registro estatístico da Unidade. Evitar, por exemplo, a elaboração de muitos infográficos, tabelas, diagramas, etc.
Recomenda-se explorar a memória visual da Unidade preferencialmente mediante a  reprodução de documentos de valor histórico, como, por exemplo, mapas, atas, memorandos, cartas, selos, matérias jornalísticas, capas de publicação, organogramas, diagramas, cartas e gráficos antigos; ou de fotos (atuais e antigas), cujo tratamento e disposição na página deverão estar de acordo com orientações e opções de diagramação constantes no projeto gráfico.
Todas as figuras deverão trazer legendas, nas quais podem constar também, de forma bem sintética, dados sobre a imagem reproduzida, os quais complementem, por sua vez, as informações do texto.

Os títulos e os subtítulos dos capítulos devem ser atribuídos de modo que apresentem, de forma sintética e coerente, o assunto enfocado em cada um deles.

Capítulo introdutório

Intitulado de Introdução e sem referência ou numeração capitular, este capítulo deve apresentar, de forma sucinta, clara e objetiva, o conteúdo do livro, o resumo da história da Unidade com seus marcos estratégicos, seu papel no ecossistema regional de pesquisa e desenvolvimento agropecuário. Além disso, deve fornecer dados e informações gerais sobre a natureza, a importância e a forma de desenvolvimento do relato histórico: objetivo, método e procedimento seguido para a pesquisa dos dados e das informações. Como parte integrante do miolo, este texto deve ser corrido e sem subtítulos, e pode ser complementado com alguns recursos e informações visuais constantes nos demais capítulos: ilustrações, reproduções ou fotos (figuras com legendas).

Capítulo 1 – Antecedentes históricos

O texto deve enfocar dados históricos ocorridos antes da criação da Unidade, os quais estejam a ela relacionados, ou tenham contribuído para a sua fundação: contextualização sociopolítica, econômica e cultural local, regional e nacional, incluindo-se, se for o caso, até mesmo aqueles fatos pertinentes que precederam a criação da própria Unidade e/ou da Embrapa.

Foto antigo de reunião

Capítulo 2 – Criação

O texto deste capítulo deve centrar-se no processo histórico da criação da Unidade: motivações, articulações, fatos desencadeadores, eventos, infraestrutura, recursos, ações empreendedoras nos âmbitos político, social, econômico e técnico-científico.

Modelo de página com foto de documento

Capítulo 3 – Evolução

O texto deste capítulo deve relatar a história de vida da Unidade, desde sua criação até os dias atuais: as fases evolutivas por que passou, os desafios e as dificuldades vivenciadas, as ações empreendidas, o retorno dos investimentos, os resultados da pesquisa e os avanços alcançados, etc.

Além dessas etapas evolutivas, o capítulo pode enfocar também os temas a seguir sugeridos, desde que eles sejam pertinentes à natureza e à missão da Unidade cuja história esteja em foco.

  • Recursos humanos e materiais – Discorrer sobre o corpo funcional: o número de empregados, a formação, o aperfeiçoamento, as promoções de capacitação, as premiações, ou, ainda, sobre lideranças dignas de reconhecimento. Relatos sobre empregados de destaque, empregados mais antigos, empregados que se aposentaram, pessoas que deixaram saudades. Registros de fatos interessantes e de bastidores que mereçam ser conhecidos como integrantes da história da Unidade. O conteúdo deve discorrer também sobre a infraestrutura historicamente significativa da Unidade: dependências físicas, laboratórios, estúdios, tecnologias, equipamentos de porte, etc., adquiridos pela Unidade.
Modelo de página com foto
  • Comunicação e informação – Enfocar dados e informações sobre a área de comunicação da Unidade: atuação dela ou como promotora, ou como participante, de congressos, feiras, exposições, entre outros eventos de destaque; assim como sobre sua projeção na mídia impressa e falada. Disseminação do conhecimento: divulgação das publicações em mídias impressa e eletrônica. Informação e documentação: evolução das bases de dados, da produção bibliográfica, do banco de teses, entre outros itens.
Modelo de página com recortes de jornal
 
Página com documento
  • Transferência de tecnologia – Enfocar a evolução da difusão de tecnologias por meio do registro de, por exemplo, dias de campo, treinamentos e cursos; assim como da transferência de tecnologias, de produtos e de serviços disponibilizados pela Embrapa em benefício da sociedade; o estabelecimento das parcerias mais importantes, as quais refletiram historicamente nos âmbitos político, social, econômico e técnico-científico; bem como o histórico evolutivo referente às questões de propriedade intelectual e industrial, ou às questões de proteção de cultivares para salvaguarda do patrimônio intelectual gerado na Empresa.

Capítulo 4 – Perspectivas

O texto deste capítulo deve discorrer sobre as perspectivas da Unidade: referências históricas fundamentadas nas tendências, nos planos, projetos e encaminhamentos institucionais futuros.

 

Página anterior  

 

Salvar