Normalização bibliográfica

Normalização bibliográfica

Citação

Toda citação deve ser referenciada e toda referência deve ser citada.

Definição

Menção, no texto, de informação colhida em outra fonte (Associação Brasileira de Normas Técnicas, 2002a).

Tipos de citações

Citação direta

É a transcrição fiel da grafia, redação e pontuação do documento consultado.

Citação direta de texto traduzido

É a tradução do texto original consultado pelo autor.

Citação indireta

Citação livre, porém fiel ao sentido do texto original, sem aspas. Deve-se mencionar a fonte de onde foi extraída.

Citação de citação

Citação direta ou indireta de texto em que o original não foi consultado.

Citação de figuras e tabelas

É a indicação da fonte de toda figura e tabela que já tenha sido publicada anteriormente.

Citação de comunicação pessoal

Citação de informação obtida de maneira informal, por meio de telefone, carta, e-mail, listas de discussão, etc.

Citação de informação verbal

Citação de informação oral obtida em eventos, palestras, debates, entrevistas in loco, etc.

Citação de trabalhos não publicados

Citação de trabalhos em fase de publicação (no prelo) e trabalhos inéditos submetidos à aceitação de uma editora, sem contudo terem atingido a fase de publicação, assim como citação de trabalhos que não têm previsão alguma de publicação como apostilas, anotações de estudos, etc. 

Localização

Podem aparecer no texto ou em notas de rodapé.

Sistema de chamada

Segundo a Associação Brasileira de Normas Técnicas (2002a), as citações devem ser indicadas no texto por um sistema de chamada: numérico ou autor-data. A aplicação de cada sistema de chamada deve ser seguida ao longo de todo o trabalho, permitindo sua correlação na lista de referências ou em notas de rodapé.

Na Embrapa, o sistema autor-data é utilizado para as citações, no texto, das obras que estão na lista de referências, e o sistema numérico é utilizado para as notas de rodapé.

Regras gerais de apresentação

As citações podem ser diretas ou indiretas, e as chamadas podem ser feitas pelo sobrenome do autor, pela instituição responsável ou pelo título, de acordo com a entrada na referência.

Quando incluídas na sentença ou quando estiverem entre parênteses, devem estar em letras maiúsculas e minúsculas, com a fonte em caixa alta e baixa.

Quando houver várias citações juntas, elas deverão ser apresentadas em ordem cronológica.

Exemplos:

A ironia seria assim uma forma implícita de heterogeneidade mostrada, conforme a classificação proposta por Authier-Reiriz (1982).

 

"Apesar das aparências, a desconstrução do logocentrismo não é uma psicanálise da filosofia [...]" (Derrida, 1967, p. 293).

 

Coppock e Wilks (1991) afirmam quanto ao nível de consumo de matéria seca que, animais consumindo 4% ou mais de matéria seca em relação ao peso vivo, [...].

 

Esse fato é tido como a expressão normal do mérito genético para síntese de leite (Coppock; Wilks, 1991).

Citação direta

Nas citações diretas, deve-se especificar no texto as páginas, volumes, tomos ou seções das fontes consultadas. Essas informações devem ser inseridas após a ano, separadas por vírgula e precedidas pelo termo que as caracteriza, de forma abreviada.

As citações diretas de até três linhas devem estar contidas entre aspas duplas.

As aspas simples são utilizadas para indicar citação no interior da citação.

Exemplos:

Oliveira e Leonardos (1943, p. 146) dizem que a “[...] relação da série São Roque com os granitos porfiroides pequenos é muito clara”.

Para Katz e Kahn (1978, p. 12), “a organização mais eficiente está em processo de conseguir excedentes de energia porque as condições de seus 'inputs' e 'outputs' são estabelecidos por seus meios eficientes.”

 

 

Meyer parte de uma passagem da crônica de 14 de maio de A Semana, “Houve sol, e grande sol, naquele domingo de 1888, em que o Senado votou a lei, que a regente sancionou [...]” (Assis, 1964, v. 3, p. 583).

 

“[...] determinadas inversões que são fixas para a comunidade se transformam em líquidas para o indivíduo” (Keynes, 1977, p. 148).

 

“Apesar das aparências, a desconstrução do logocentrismo não é uma psicanálise da filosofia [...]” (Derrida, 1967, p. 293).

As citações diretas com mais de três linhas devem ser blocadas, ou seja, destacadas com recuo na margem esquerda, com fonte dois pontos menor que a fonte usada no texto e sem aspas.

Exemplos:

Com o objetivo de verificar os efeitos isolados e conjuntos da extirpação da gema apical e da remoção periódica de botões florais em algodoeiro herbáceo, Beltrão et al. (1990, p. 1052) concluíram que:

 

[...] a eliminação de gema apical aos 50 dias da emergência das plantas não afeta a produtividade da cultura, porém, em ano com irregularidade de chuvas, pode aumentar a precocidade e, independente das condições de cultivo, reduzir a altura das plantas.


[...] para que as empresas se adequassem simultaneamente a todas as legislações: ambiental, trabalhista e tributária. [...], em muitos casos, os fiscais optaram por ‘fazer vistas grossas’ a algumas infrações, e os atores envolvidos nos programas focaram apenas naqueles problemas considerados pelos próprios empresários como o principal gargalo ao crescimento econômico do setor. (Almeida, 2008, p. 21-22).

Em citações diretas extraídas de leis, deve-se indicar artigo, parágrafo, inciso, alínea, itens e parágrafo único, quando houver. Essas informações devem ser inseridas após o ano, separadas por vírgula e precedidas do termo que as caracteriza.

As abreviaturas e símbolos utilizados são: art. para artigo; § para parágrafo; §§ para mais de um parágrafo; inciso, alínea e parágrafo único devem ser grafados por extenso.

Na seriação de artigos e parágrafos, até nove, empregam-se numerais ordinais, e de dez em diante, cardinais. Os incisos serão representados por número romano maiúsculo, as alíneas por letras minúsculas em itálico e os itens por algarismos arábicos.

Exemplos:

“A lei definirá os serviços ou atividades essenciais e disporá sobre o atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade.” (Brasil, 1988, art. 9º, § 1º).

Os produtos e os agentes de processos físicos, químicos ou biológicos, destinados ao uso nos setores de produção, no armazenamento e beneficiamento de produtos agrícolas, nas pastagens, na proteção de florestas, nativas ou implantadas, e de outros ecossistemas e também de ambientes urbanos, hídricos e industriais, cuja finalidade seja alterar a composição da flora ou da fauna, a fim de preservá-las da ação danosa de seres vivos considerados nocivos. (Brasil, 1989, art. 2º, inciso I, alínea a).

(Brasil, 1988, art. 13, §§ 1º e 2º)

 

(Brasil, 1988, art. 14, §§ 1º ao 11)

As citações diretas com supressões, interpolações, comentários, ênfase e/ou destaques devem ser indicadas da seguinte forma:

  • Supressões: são indicadas por reticências entre colchetes [...]. Partes do texto podem ser suprimidas no início, no meio ou no final da citação.

Exemplo:

Segundo Sá (1995, p. 27): “[...] por meio da mesma ‘arte de conversação’ que abrange [...] parte da nossa existência cotidiana [...].”

  • Interpolações ou comentários: são citações nas quais aparecem, intercaladas, palavras de esclarecimento ou explicação. Essas palavras devem aparecer entre colchetes [ ].

Exemplo:

“Neste sentido, se reconhece no processo de produção rural a vigência de leis biológicas de reprodução e a utilização de formas primitivas de uso da energia [fotossíntese].”

  • Ênfase ou destaque: pode-se utilizar sublinhado, negrito ou itálico. O tipo de recurso escolhido deve ser seguido consistentemente ao longo de toda a obra, conforme o projeto gráfico.

Se o destaque já fizer parte da obra consultada, deve-se usar a expressão “grifo do autor” entre parênteses, após a chamada da citação. Caso o destaque seja do autor, usa-se a expressão “grifo nosso” para indicar a alteração.

Exemplos:

“[...] para que não tenha lugar a produção de degenerados, quer physicos quer moraes, misérias, verdadeiras ameaças à sociedade” (Souto, 1916, p. 46, grifo nosso).

 

“[...] b) desejo de criar uma literatura independente, diversa, de vez que, aparecendo o classicismo como manifestação de passado colonial [...]” (Candido, 1993, v. 2, p. 12, grifo do autor).

Citação direta de texto traduzido

Em publicações da Embrapa, não são admitidas citações diretas no corpo do texto em língua diferente da do texto a ser publicado, a não ser que sejam acompanhadas da respectiva tradução, com a expressão “tradução nossa”, entre parênteses, após a chamada da citação.

Exemplo:

“Ao fazê-lo pode estar envolto em culpa, perversão, ódio de si mesmo [...] pode julgar-se pecador e identificar-se com seu pecado” (Rahner, 1962, v. 4, p. 463, tradução nossa).

Caso o autor queria fornecer também a citação na língua original, deve apresentá-la em nota de rodapé, sem itálico e manter as aspas independentemente da quantidade de linhas da citação.

Citação indireta

Se a citação se refere apenas à última frase do parágrafo, o ponto deve ser colocado após a chamada da citação.

Exemplo:

A regulamentação é tão vaga e ampla que qualquer coisa, que subidamente é boa para nutrição, pode ser classificada como alimento funcional. Acredito que a regulamentação seja abrangente para permitir que várias coisas sejam assim classificadas (Kanashiro, 2005).

Caso se refira a todo o parágrafo, deve-se colocar o ponto após a última frase do parágrafo e outro ponto após a chamada da citação.

Exemplo:

A busca dos consumidores mundiais é por alimentos seguros e, nesse caso específico, frutas produzidas em sistemas de produção sustentáveis, baseados na utilização de boas práticas agrícolas e de fabricação, oferecendo garantia de rastreabilidade. Nesse cenário, insere-se a produção integrada como sendo o sistema de produção capaz de oferecer frutas certificadas e com as garantias desejadas pelos consumidores. (Cordeiro, 2008).

Nas citações indiretas, os números das páginas consultadas não precisam ser indicados.

Citação de citação

Indica-se uma citação de citação pelas expressões “apud” ou “citado por”. Na Embrapa, utiliza-se a expressão “citado por”.

Em uma citação de citação, deve-se observar a seguinte ordem: sobrenome do autor e ano do documento original, expressão “citado por”, sobrenome do autor e ano da obra consultada.

Na lista de referências, deve-se colocar somente a obra consultada.

Exemplos:

Segundo Feigenbaum (1980), citado por Harmon e Kin (1985, p. 143), “um sistema especialista [...]”

 

Silva (1999), citado por Pereira (2002), constatou [...]

 

Silva (1999 citado por Pereira, 2002)

 

(Silva, 1999 citado por Pereira, 2002)

 

As térmitas, em algumas regiões africanas, chegam a representar a maior parte da macrofauna (Lee; Wood, 1971 citados por Léonard; Rajot, 2001).

A citação de citação deve ser evitada, já que a obra original não foi consultada e há risco de falsa interpretação e incorreções em relação ao documento original.

Citação de figuras e tabelas

As citações de figuras e tabelas são feitas na fonte da imagem. Caso haja mudanças entre a figura ou tabela que está sendo citada e a original, seja por supressão, adição ou atualização de dados, antes da citação acrescenta-se a expressão “Adaptado de” (sempre no masculino e no singular e em caixa alta e baixa), seguida da autoria e do ano entre parênteses, obedecendo às mesmas normas usadas para citação no texto.

Exemplo:

Fonte: Adaptado de Fidalgo et al. (2007).

A fonte deve ser localizada abaixo da legenda e após as notas da figura ou tabela, se houver, e grafada em fonte dois pontos menor que a fonte utilizada na legenda, em claro. Em caso de legenda com fonte menor que 8, usar o mesmo corpo na fonte.

As fontes devem ser citadas com as demais referências.

Citação de comunicação pessoal

É a citação de informações obtidas de maneira informal, por meio de telefone, carta, e-mail, listas de discussões, etc.

A citação de comunicações pessoais não remete a uma referência bibliográfica, e sim a uma nota de rodapé. No texto, logo após as informações, deve-se acrescentar, entre parênteses, a expressão “comunicação pessoal”. Na nota de rodapé, indicam-se os dados das pessoas envolvidas na comunicação, suas funções e especialidades, a forma como as informações foram obtidas e a data da comunicação.

A citação de comunicação pessoal, em trabalhos técnico-científicos, deve ser evitada, sempre que possível, visto que traz dificuldades para o leitor conferir os dados ou as informações comunicadas pessoalmente.

Exemplos:

No texto:

 

“A população e a altura da planta de soja não são afetadas por níveis crescentes de bicudo-da-soja”, conforme informado por Beatriz de Souza (comunicação pessoal)¹.

A nota de rodapé será uma das três que se seguem conforme o meio utilizado para a comunicação (carta, telefone, e-mail, etc.):

Na nota de rodapé:

__________

¹ Correspondência recebida pela bióloga Regina Mazzeo, estagiária do CNPq, da bióloga Beatriz de Sousa, pesquisadora da Embrapa Soja, Londrina, PR, em 17 de setembro de 2015.

_________

¹ Comunicação telefônica recebida pela bióloga Regina Mazzeo, estagiária do CNPq, da bióloga Beatriz de Sousa, pesquisadora da Embrapa Soja, Londrina, PR, em 25 de setembro de 2015.

_________

¹ E-mail recebido pela bióloga Regina Mazzeo, estagiária do CNPq, da bióloga Beatriz de Sousa, pesquisadora da Embrapa Soja, Londrina, PR, em 26 de setembro de 2015.

No texto:

Conforme relatam pesquisadores da Embrapa, a aplicação exagerada de inseticidas sem critério técnico, no início do desenvolvimento da soja, não obedecendo aos níveis de dano indicados e preconizados no manejo integrado de pragas, tem afetado negativamente as populações dos inimigos naturais. Segundo a Dra. Clara Beatriz Hoffmann-Campo, estes, principalmente os parasitoides, como as vespinhas – Copidosoma sp. –, controlam naturalmente as populações da lagarta-falsa-medideira (comunicação pessoal)².

Na nota de rodapé:

_________

² Comunicação feita em lista de discussão pela Dra. Clara Beatriz Hoffmann-Campo, pesquisadora da Embrapa Soja, em Londrina, PR, em 2011.

 

 

Outros exemplos:

___________________

¹ Correspondência recebida pela Coordenadora do Sistema Embrapa de Bibliotecas, Maria Helena Kurihara, Embrapa Sede, da pesquisadora Adriana Delfino dos Santos, da Embrapa Informática Agropecuária, em 20 de setembro de 2008.

² Comunicação telefônica recebida pela Coordenadora do Sistema Embrapa de Bibliotecas, Maria Helena Kurihara, Embrapa Sede, do analista Michell Olívio Xavier da Costa, da Embrapa Amazônia Oriental, em 26 de setembro de 2008.

Citação de informação verbal

É a citação de informações obtidas em eventos, palestras, debates, entrevistas in loco, etc., as quais não se encontram impressas. Esse tipo de citação não remete a uma referência bibliográfica, e sim a uma nota de rodapé. No texto, logo após as informações, deve-se acrescentar, entre parênteses, a expressão “informação verbal”. Na nota de rodapé, indicam-se os dados das pessoas envolvidas, suas funções e especialidades, a forma como as informações foram obtidas e a data da informação.

Exemplos:

No texto:

 

O novo medicamento estará disponível até o final deste semestre (informação verbal)¹.

 

Na nota de rodapé:

________________

¹ Notícia fornecida por John A. Smith, geneticista, no Congresso Internacional de Engenharia Genética, em Londres, em outubro de 2014. Citação de trabalho não publicado, em fase de elaboração ou no prelo.

Citação de trabalhos não publicados

É a citação de informações obtidas trabalhos em fase de publicação (ou no prelo), trabalhos inéditos submetidos à aceitação de uma editora, sem contudo terem atingido a fase de publicação, assim como trabalhos que não têm previsão alguma de serem publicados, como apostilas, anotações de estudo, etc. Esse tipo de citação não remete a uma referência bibliográfica, e sim a uma nota de rodapé.

Nas notas de rodapé deve-se inserir o máximo de informações possíveis. Nos casos de trabalhos em fase de publicação (ou no prelo) e de trabalhos inéditos submetidos à aceitação de uma editora, as informações a serem inseridas devem seguir as mesmas normas para monografias (conforme orientações contidas na aba Referência, no item Publicações Avulsas), e, se houver, data do aceite ou a data prevista para lançamento.

Exemplos:

No texto:

 

“a taxa de conversão de florestas tem sido particularmente elevada nos trópicos” (em fase de elaboração)¹.

 

No rodapé da página:

__________________

¹ MARTINS, K.; RIBAS, L. A.; MORENO, M. A.; WADT, L. H. O. Conseqüências genéticas da regeneração natural de espécies arbóreas em área antrópica, Acre, Brasil. Acta Botanica Brasilica, v. 22, 2008. Em fase de elaboração.

 

 

No texto:

 

Os poetas selecionados contribuíram para a consolidação da poesia no Rio Grande do Sul, séculos XIX e XX (no prelo)¹.

 

No rodapé da página:

_________________

¹ CLEMENTE, E. Poetas rio-grandenses. [Porto Alegre]: EdiPUCRS, 2002. No prelo.

 

Outros exemplos:

__________________

¹ HORITA, I. T.; SEKI, V. Y. Recuperación de pastura mediante la inclusión de un ciclo agrícola en sistema de la siembra directa. [S.l.: s.n., 1998]. 2 p. Trabalho apresentado no Curso de Interpretação Agropecuária no Sistema Plantio Direto, Dourados, MS, dez. 1998.

² MACARIO, C. G. do N.; CAMARGO, F. B. Estudo de metodologias para produção de componentes. [S.l.: s.n.], 1991. 54 p. Apostila.

³ SOUZA, M. I. F. Contratação de serviços de processamento técnico: proposta. Campinas: EMBRAPA-CNPTIA, 1996. 33 f. Não publicado.

Formas de citar

Citação com um autor

A citação é feita pelo sobrenome do autor, seguido do ano de publicação do documento e da página da citação, quando for uma citação direta.

Exemplos:

[...] considerando-se o ano base 2002 e não concebendo nessa estimativa os 28 milhões de hectares de pastagens nativas ou modificadas (Sano, 2007).

 

Plimmer (1992) sugere que dependendo das condições ambientais e características físico-químicas do princípio ativo [...]

 

Como afirma Almeida (1988, p. 14), "As novas tecnologias são o resultado prático de cruzamentos entre as diversas faces do triangulo da comunicação contemporânea: a TV, o satélite e o computador."

 

A chamada "pandectística havia sido a forma particular pela qual o direito romano fora integrado no século XIX, na Alemanha em particular" (Lopes, 2000, p. 225).

Citação com dois autores

Quando a citação está inserida no texto, os autores devem ser citados pelos respectivos sobrenomes ligados por “e”, seguidos do ano entre parênteses.

Quando a citação está dentro dos parênteses, os sobrenomes são separados por ponto-e-vírgula, segundo a norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (2002a), NBR 10520, vigente.

Exemplos:

Resultado semelhante foi obtido por Santos e Vencovsky (1985).

 

Situação semelhante foi reportada por Kloen e Altieri (1990), de quando a mostarda-silvestre (Brassica kaber) não foi semeada [...]


[...] assegura oferta de frutos cítricos durante todo o ano (Ismail; Zhang, 2004).


[…] a maior taxa de crescimento de mercado é da Grã-Bretanha (Yusseefi; Willer, 2002).

Citação com três ou mais autores

A citação é feita pelo sobrenome do primeiro autor, seguido da expressão “et al.” e do ano de publicação.

Exemplos:

Cardoso et al. (1981) comparando progênies de clones da cv. São Gabriel e cultivares americanas de cornichão [...]


[...] o comprimento, a resistência e a uniformidade das fibras foram melhorados pela adubação nitrogenada, no grupo de solos mais ricos em potássio, segundo Sabino et al. (1976) e Silva et al. (1974).


O processo da FBN requer um suprimento contínuo de carboidratos que fornecem tanto a energia para a redução do nitrogênio quanto os esqueletos de carbono necessários à assimilação da amônia produzida [...] (Silveira et al., 2003).


[...] o comprimento da fibra aumenta ligeiramente, quando o nível de nitrogênio é mais elevado (Malavolta et al., 1974).

Citação pelo título

Quando se tratar de trabalho sem autor conhecido (anônimo), sem indicação de autoria ou responsabilidade, ou, ainda, quando a autoria ou responsabilidade forem de dois ou mais autores corporativos, a citação deverá ser feita pelo título, seguido do ano.

Quando o título for extenso, somente a primeira palavra deve ser citada, seguida de reticências e ano. Se o título iniciar com artigo (definido ou indefinido) ou preposição, a entrada será feita pelo artigo ou preposição junto com a palavra subsequente, seguida de reticências e ano.

Exemplos:

Grande parte do milho produzido em Santa Catarina provém das regiões colonial do Oeste e colonial do Rio do Peixe (Sistemas..., 1983).

E eles disseram “globalização”, e soubemos que era assim que chamavam a ordem absurda e que dinheiro é a única pátria à qual serve e as fronteiras se diluem, não pela fraternidade, mas pelo sangramento que engorda poderosos sem nacionalidade (A flor..., 1995).

Em nova Londrina, PR, as crianças são levadas às lavouras a partir dos 5 anos (Nos canaviais..., 1995).

Citação de autor corporativo

A citação é feita pelo nome da instituição, seguido da ano de publicação. Os elementos de subordinação (departamentos, centros, Uepaes, etc.), se houver, devem constar somente nas referências.

Exemplos:

Trata-se de um genótipo recomendado para áreas infestadas pelo bicudo (Embrapa, 1985), em virtude de ter ciclo curto e floração com período menor do que as cultivares de ciclo médio e tardio.


[...] captação de recursos provados como forma de reduzir os investimentos públicos no ensino superior (Brasil, 1995).


[…] nas etapas de produção no campo e na fase de pós-colheita (Instituto Biodinâmico, 2003).

Citações indiretas de vários trabalhos da mesma autoria

Os trabalhos de um mesmo autor ou de autores com sobrenome iguais publicados em anos diferentes e mencionados simultaneamente devem ser citados pelo sobrenome, seguido dos vários anos de publicação, em ordem cronológica, separados por vírgula.

Exemplos:

(Silva, 1989, 1991, 1995)


[...] número de células auxiliares e categoria de crescimento, foram obtidas conforme Oliveira et al. (1990, 1991) [...]


Mais recentemente, Carvalho et al. (1978a, 1978b, 1983a, 1983b) [...]


(Costa, 2010, 2013)

Citações indiretas de vários autores e documentos sobre uma mesma ideia

Citações de autores e trabalhos diferentes sobre uma mesma ideia, quando mencionados simultaneamente, devem ser apresentados em ordem cronológica e separados por ponto-e-vírgula, se a citação estiver entre parênteses.

Exemplos:

[...] enquanto Crocomo e Parra (1979, 1985), Silva (1981) e Evendramin et al. (1983) verificaram uma oscilação de valores.


[...] (Crocomo; Parra, 1979, 1985; Silva, 1981; Evendramin et al., 1983)


Ela polariza e encaminha sob a forma de "demanda coletiva", as necessidades de todos (Fonseca, 1997; Paiva, 1997; Silva, 1997; Andrade et al., 2014).


Diversos autores salientam a importância do "acontecimento desencadeador" no início de um processo de aprendizagem (Mezirow, 1994; Knox, 1999; Cross, 2000).

Citação de autores com o mesmo sobrenome e ano de publicação iguais

No caso de autores com o mesmo sobrenome, com as iniciais dos prenomes idênticas ou não, e ano de publicação igual devem ser distinguidas pelo acréscimo de letras minúsculas, em ordem alfabética, após o ano, conforme a lista de referências.

Exemplos:

Nas citações:

 

Procópio et al. (2005a)

 

Procópio et al. (2005b)

 

Procópio et al. (2005a, 2005b)

 

Nas referências:

 

PROCÓPIO, S. O.; SANTOS, J. B.; PIRES, F. R.; SILVA, A. A.; SANTOS, E. A.; FERREIRA, L. R. Fitorremediação de solo contaminado com trifloxysulfuron-sodium por mucuna-preta (Stizolobium aterrimum). Planta Daninha, v. 23, n. 4, p. 719-724, 2005a.

 

PROCÓPIO, S. O.; SANTOS, J. B.; SILVA, A. A.; PIRES, F. R.; RIBEIRO JÚNIOR, J. I.; SANTOS, E. A. Potencial de espécies vegetais para a remediação do herbicida trifloxysulfuron-sodium. Planta Daninha, v. 23, n. 1, p. 9-16, 2005b.

Citação de trabalho sem ano de publicação

O ano é um elemento essencial em citações e referências, por isso deve ser sempre indicado. Se não for possível localizar o ano de publicação, distribuição, copirraite, impressão, etc., registra-se um ano aproximado entre colchetes na referência (Associação Brasileira de Normas Técnicas, 2002b). Na citação, o ano aparecerá igual o que está na referência, mas sem o uso de colchetes.

Exemplos:

Este regime de criação bem como a metodologia de pesagens e de ajustamento para as idades-padrão são descritos pelo Projeto e Melhoramento Genético da Zebuinocultura (Brasil, 197-).


As pesquisas são fundamentadas nos resultados obtidos por Lews e Nava (196-?) e Silva et al. (ca. 1990).

 

Página anterior Próxima página