A Biblioteca da Embrapa Meio Ambiente iniciou suas atividades em 1984, instalada no 7º. andar de um edifício localizado na Avenida Francisco Glicério, em Campinas, SP e tendo como primeira bibliotecária Leila Maria Lenk. Em fevereiro de 1985 foi contratada mais uma bibliotecária, Maria Amélia de Toledo Leme, que permanece até hoje na biblioteca. Em setembro desse mesmo ano a Biblioteca ocupou sua atual instalação, na Rodovia SP-340, em Jaguariúna, SP. Em 1986, Leila Maria Lenk pediu transferência para a Embrapa Informática Agropecuária, dando seu lugar à Nilce Chaves Gattaz, que trabalhou na biblioteca até 2002 e atualmente é pesquisadora desta Unidade.

De 1989 a 2001, a Biblioteca contou também com uma auxiliar administrativa, Cláudia Regina Viscardi, que deixou a Embrapa para trabalhar no Ministério Público da União. Também passaram por aqui a bibliotecária Márcia Izabel Fugisawa Souza, que hoje exerce suas atividades na Embrapa Informática Agropecuária e Meire Volotão Stephano, que está na Embrapa Monitoramento por Satélite, além de várias estagiárias, destacando-se Vanessa Ghinezzi Rodrigues e Kerly Aparecida Ribeiro. Em 2002, foi contratado o bibliotecário Victor Paulo Marques Simão; em 2006 começou a trabalhar a bibliotecária Maria de Cléofas Faggion Alencar, transferida da Embrapa Monitoramento por Satélite e a partir de setembro de 2007, O bibliotecário Alexandre Rita da Conceição, contratado a princípio para a área de editoração, teve duas passagens pela biblioteca, nos anos de 2007 e 2011. A partir de 2008, integrou-se ao setor o analista José de Arimatéia Araújo Sousa, compondo a atual equipe com Maria de Cléofas e Victor.

Em 1999, foi denominada "Biblioteca Dr. Reinaldo Forster", em homenagem ao pesquisador que foi um dos fundadores da Embrapa Meio Ambiente e muito contribuiu para a pesquisa agropecuária brasileira.