PROTOCOLO PARA ANÁLISES DE AMOSTRAS EXTERNAS DE MEL

Análises de mel realizadas pelo Laboratório de Controle da Qualidade de Produtos Apícolas da Embrapa Meio – Teresina – PI para o setor produtivo.

  • Analises físico-químicas de mel: Umidade, Açúcares Redutores, Sacarose Aparente, Sólidos insolúveis em Água, Minerais (cinzas), Acidez, Atividade Diastásica, Hidrometilfurfural (HMF), oBrix e Cor.

  •  Análises Microbiológicas: Coliformes a 35oC, Coliformes a 45oC, Bolores e Leveduras.

Com o retorno das atividades das análises de amostras externas de mel no Laboratório de Apicultura, medidas preventivas de segurança para a Covid-19 serão esclarecidas para a coleta, envio e recepção das amostras de mel.

COLETA DA AMOSTRA

• O responsável pela coleta da amostra de mel deve utilizar máscara e touca descartáveis e realizar higienização cuidadosa nas mãos e em todo material que irá ter contato com o mel. A coleta da amostra de mel é de responsabilidade do requisitante.

• Antes da retirada da amostra, o mel deve ser homogeneizado. Em caso de pequenos lotes ou da falta de homogeneizador, poderá ser utilizado algum utensílio, devidamente higienizado.

• Os frascos para a coleta devem ser esterilizados previamente. Para higienização, usar álcool 70%. Secar bem o frasco, antes de colocar o mel, para evitar alteração nas análises.

• Para realização das análises físico-químicas são necessários 200g de mel. No caso de solicitação de análise microbiológica é necessário outro frasco da amostra de mel. O frasco para armazenar a amostra pode ser de plástico ou de vidro e deve estar limpo e seco. Utilizar fita adesiva para melhor vedação da tampa no frasco. 

• Os frascos contendo as amostras devem ser identificados individualmente, com o nome do produtor, florada, data de coleta, lote, município e cooperativa e/ou associação.

 • As etiquetas devem ser coladas no frasco, preenchidas com lápis e cobertas com fita adesiva transparente, evitando assim perda das informações descritas.

ENVIO DA AMOSTRA

• Os frascos com as amostras de mel coletados pelo requisitante devem ser embalados, individualmente, em sacos plásticos e acondicionados em caixas higienizadas com álcool a 70%.

• Deve ser evitado o aquecimento das amostras para não alterar a qualidade do produto. O transporte das amostras é de responsabilidade do requisitante.

• O requisitante deverá preencher uma ficha de requisição de análise com nome, endereço, identificação das amostras e especificação das análises solicitadas.

• As amostras devem ser enviadas via correio ou entregues na portaria, com acesso proibido de pessoas externas para entrega.

RECEBIMENTO DA AMOSTRA

• A recepção das amostras de mel será feita pelo Setor de Infraestrutura e Logística – SIL, onde serão realizados todos os procedimentos de segurança para o Covid-19, como o uso de máscaras, desinfecção das mãos e das embalagens que contem as amostras de mel com álcool 70%.

• As amostras de mel recebidas serão em seguida encaminhadas ao Laboratório de Controle de Qualidade de Produtos Apícolas para execução das análises, onde serão seguidos os mesmos procedimentos de segurança para o Covid-19 pelo técnico responsável.

• O técnico de laboratório deve abrir a solicitação de análise no Open Ticket Request System (OTRS), indicando o tipo de análise, quantidade e data de recebimento das amostras no laboratório.

• Após a realização das análises solicitadas, as amostras de mel residuais são mantidas na sala de contra-prova, sob refrigeração,  por dois anos sob guarda do laboratório.

• O pagamento do serviço de análise é feito antecipadamente por meio de uma Guia de Recolhimento da União (GRU).

Tabela de preços

RESULTADOS DAS ANÁLISES

• O prazo para entrega do relatório de ensaio analítico será de 10 dias úteis após o recebimento das amostras de mel.

• O relatório de ensaio analítico (laudo) com os resultados das análises solicitadas é avaliado e assinado pela coordenadora do laboratório, química responsável, e disponibilizado online para o requisitante para acelerar o processo.

• O documento original assinado é enviado ao requisitante pelos correios, após a confirmação do pagamento da GRU, acrescido de taxa de postagem dos correios.