Publicações

Comportamento de híbridos de milho na safrinha em Tocantins.

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Autoria: COSTA, R. V. da; CAMPOS, L. J. M.; ALMEIDA, R. E. M. de; PEREIRA, L. A. O. A.; COTA, L. V.; SILVA, D. D. da; BERNARDES, F. P.; AMORIM, F. R. de

Resumo: As características dos híbridos, como o ciclo, o potencial e a estabilidade produtiva e a reação das pragas e doenças, devem ser consideradas em cada localidade. Além disso, em razão da grande quantidade de híbridos disponíveis, assim como a variabilidade de suas características agronômicas, é necessário um estudo de avaliação para identificar as cultivares mais bem adaptadas a cada condição de semeadura. De acordo com os resultados, nota-se que a época de semeadura é um dos principais fatores que afetam a produtividade do milho safrinha no Tocantins. Quanto mais tardia for realizada a semeadura, principalmente a partir de meados de fevereiro, maiores serão os riscos de restrições hídricas e, consequentemente, de obtenção de baixas produtividades. O atraso na época de semeadura reduziu a produtividade dos híbridos.

Ano de publicação: 2019

Tipo de publicação: Folhetos