Publicações

Faça uma busca

Navegue pelas publicações da Embrapa Milho e Sorgo

 

Irrigafácil 2.1 - Manejo de Irrigação (versão para Web) 

Com o Irrigafácil versão 2.1, disponível em http://irrigaweb.cnpms.embrapa.br,  é possível programar a irrigação das culturas do milho, do sorgo e do feijão, para três classes de solo (alta, média e baixa capacidade de retenção de água), dois sistemas de irrigação (aspersão convencional e pivô central) e dois tipos de preparo do solo (convencional e direto na palha), utilizando-se a técnica do balanço de água no solo.

Irrigafácil  1.0 (versão para  Windows XP)

O aplicativo Irrigafácil, versão 1.0, foi  desenvolvido com o objetivo de facilitar o trabalho de técnicos e agricultores irrigantes,  promovendo o uso racional da água na irrigação. O aplicativo baseia-se no cálculo do balanço de água no solo, utilizando-se uma série histórica de dados climáticos para estimar  valores diários de ETo.
Com o Irrigafácil é possível programar a irrigação da cultura, por meio de 4 critérios, utilizando-se a técnica do balanço de água no solo, a saber:

1. Calendário das irrigações usando de valores de ETo ajustados e preditos;
2. Balanço diário das irrigações usando valores de ETo ajustados e preditos;
3. Balanço diário das irrigações usando valores de ETo estimados por qualquer método e,
4. Balanço diário das irrigações usando valores de evaporação do Tanque Classe A.

Download

Manual do usuário

1. Essa versão inclui dados de Sete Lagoas e Janaúba para geração do calendário de irrigação.
2. A Embrapa não se responsabiliza pelo fornecimento dos Dados Climáticos.
3. O produtor que desejar mais informações poderá entrar em contato, a partir do SAC.
indicando o assunto de interesse "Irrigação"

Planilhas eletrônicas para manejo de irrigação 

planilha
  
Programação de irrigação em sistemas:
 

 

Acesse também

Sustentabilidade

O controle biológico é o uso de inimigos naturais de pragas e doenças para reduzir o nível populacional de um organismo indesejável. É uma forma de reduzir o uso de defensivos químicos e minimizar impactos negativos à saúde humana e ao ambiente