Infraestrutura

Laboratórios

No laboratório de Bioinformática e Estatística Genômica são incorporados, adaptados e desenvolvidos modelos, métodos e procedimentos para o uso de dados de desempenho, de genealogia e de genótipos no melhoramento de animais de produção. As atividades incluem a estruturação e organização de bases de dados de fenótipos de interesse econômico, dados genealógicos e genotípicos de animais de produção; desenvolvimento de metodologia e ferramentas para definição econômica de objetivos de seleção, avaliação genética, estudos de interação genótipo-ambiente, estudos de expressão gênica e descoberta de marcadores moleculares para características econômicas; e suporte aos programas de melhoramento genético de bovinos e ovinos.

O laboratório de Ciência e Tecnologia de Carne conta ampla estrutura física, incluindo laboratório instrumental, cozinha experimental, áreas de preparação e recebimento de amostras, oito cabines sensoriais, salas para treinamento, reuniões e pesquisadores e abatedouro experimental para bovinos, ovinos e caprinos. Nessa estrutura desenvolvem-se análises sensoriais da carne por painel de avaliadores (aroma, sabor, maciez, suculência etc.), instrumentais (textura, cor, pH, espessura de gordura, capacidade de retenção de água e marmoreio) e, com o apoio do laboratório de nutrição, de composição química da carne (umidade, proteína, gordura, cinzas, perfil de ácidos graxos etc.).

O Laboratório de Estudos em Agroecologia e Recursos Naturais (LABECO), por meio de sua estrutura física, pesquisadores, apoio à pesquisa e colaboradores externos, concentra ações de pesquisa para a promoção da construção de estratégias sustentáveis de uso dos recursos naturais campestres, tendo como base os pressupostos da Agroecologia.

O Laboratório de Helmintologia oferece suporte às pesquisas que envolvem diagnóstico parasitológico, especialmente de parasitas gastrintestinais, realizando exames de fezes em ovinos e bovinos, também disponibilizando esses serviços aos produtores. Quando necessário, são efetuadas necropsias para identificação e contagem dos endoparasitos. Além disso, o laboratório serve como apoio aos trabalhos de epidemiologia básica, a fim de se indicar tratamentos e estratégias, e aos projetos de pesquisa que testam a ação de extratos vegetais sobre as formas imaturas dos endoparasitos em ensaios in vitro.

Este laboratório serve de apoio às linhas de pesquisa com ecto e hemoparasitas de animais de produção, com enfoque no controle do carrapato bovino e tristeza parasitária bovina. O laboratório também presta os seguintes serviços de diagnóstico:
- Diagnóstico laboratorial da tristeza parasitária bovina pelo exame de determinação do volume globular e identificação de hemoparasitos por meio de esfregaço sanguíneo;
- Diagnóstico epidemiológico sorológico por meio de imunofluorescência indireta;
- Diagnóstico de resistência/susceptibilidade aos carrapaticidas de contato, por meio do teste de biocarrapaticidograma.

O Laboratório de Imunologia da Embrapa Pecuária Sul possui estrutura básica para estudos de desenvolvimento de vacinas e testes de diagnósticos de doenças causadas por patógenos. Em um primeiro momento está sendo utilizado para o desenvolvimento de vacina para a Tristeza Parasitária Bovina, mas pode ser empregado também para outras doenças causadas por parasitos e bactérias que afetam a pecuária na região Sul do Brasil.

Na área de Nutrição Animal, são realizadas análises laboratoriais de suporte para projetos de pesquisa da Embrapa Pecuária Sul e de atendimento ao público. Os laudos fornecidos pelo laboratório proporcionam melhor conhecimento do valor nutritivo dos alimentos disponíveis para alimentação dos herbívoros, colaborando no cálculo de dietas que possibilitem maximizar a resposta animal e utilizar eficientemente as fontes de alimento disponíveis nos sistemas de produção. Já a área de Forrageiras concentra todas as instalações e equipamentos necessários ao trabalho de avaliação agronômica, morfológica e fisiológica de forrageiras e, juntamente com as casas de vegetação, constitui um centro de apoio para todas as linhas de pesquisa animal na Embrapa Pecuária Sul.

O laboratório de reprodução conta com infraestrutura para execução de experimentos que incluem avaliação folicular, sincronização de cios e inseminação artificial de fêmeas bovinas, e ainda, avaliação da ovulação e inseminação artificial por laparoscopia em ovelhas. Adicionalmente, são implementadas pesquisas referentes à avaliação e congelação de sêmen ovino.