Desenvolvimento de metodologia para o cálculo da produção máxima de pescados no reservatório de Peixe Angical-TO

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Foto: Christofoletti, Jefferson

Todo reservatório de água possui uma capacidade máxima de produção sustentável de pescado, conhecida como capacidade de suporte, que é relativa ao ambiente e ao ecossistema local. Nos últimos anos, verificou-se aumento da atividade de piscicultura em tanques-rede em corpos d’água. Se por um lado isso traz aumento da produção aquícola, por outro surgem preocupações quanto a alterações ambientais, sobretudo em regiões próximas a esses tanques. Atualmente, para o cálculo da capacidade de suporte de reservatórios é usada uma metodologia da década de 1970 que considera apenas a carga de fósforo gerada pela atividade (baseada no incremento de fósforo na água, na profundidade, na taxa de renovação e no coeficiente de sedimentação do reservatório) e a área do reservatório. Mesmo considerada ultrapassada, é o único método aceito pela Agência Nacional de Águas (ANA) e por órgãos estaduais de meio ambiente responsáveis por emissões de outorgas e licenças ambientais. Dessa maneira, é fundamental que seja desenvolvida nova metodologia, mais moderna e adequada à realidade brasileira. Os objetivos do projeto são selecionar áreas aptas à aquicultura, testar ao menos três modelos existentes para o cálculo da capacidade de suporte e, se possível, desenvolver uma metodologia inovadora visando ao cálculo da capacidade de suporte do Reservatório de Peixe Angical, localizado em Peixe-TO, para a produção de pescados. Estão sendo trabalhados itens como qualidade da água, profundidade, uso e ocupação do solo, presença de paliteiros e macrófitas (plantas aquáticas) e tempo de retenção hídrica. Desenvolvido pela Embrapa Pesca e Aquicultura, o projeto tem como financiadora a Enerpeixe, empresa responsável pela administração do reservatório.

Ecossistema: Região dos Cerrados

Situação: concluído Data de Início: 07/2013 Data de Finalização: 09/2017

Unidade Lider: Embrapa Pesca e Aquicultura

Líder de projeto: Flávia Tavares de Matos

Contato: flavia.tavares@embrapa.br

Galeria de imagens