Portfólio de Projetos

Pastagens

Tecnologia e sustentabilidade nos pastos do Brasil

O Brasil tem o maior rebanho de carne do mundo. Só de bovinos, são 213,7 milhões de cabeças. O País é também o terceiro maior produtor de leite, responsável por 34,8 bilhões de litros em 2019. Quase 90% da carne brasileira é proveniente da criação a pasto. 
As pastagens são o grande diferencial da competitividade brasileira.

Foto : Fabiano Bastos

Os pastos que alimentam o mundo

A pecuária é um dos pilares do agronegócio brasileiro. No Brasil, a atividade cumpre importante função econômica, ambiental e social, além de exercer papel relevante no cenário mundial.

São cerca de 160 milhões de hectares de pastagens, que ocupam quase metade dos estabelecimentos rurais do País e alimentam mais de 200 milhões de animais, entre bois, ovelhas, cabras, cavalos e búfalos.

Para que isso seja possível, a ciência estuda alternativas que respeitem as características de cada bioma do País e o Portfólio de Pastagens busca atender as necessidades que surgem do setor produtivo, igualmente diverso. Como resultado, o Brasil se torna cada vez mais capaz de contribuir para suprir a crescente demanda mundial por alimentos de qualidade. 

A oferta de soluções tecnológicas para os diferentes sistemas de produção busca superar grandes desafios, como a manutenção da capacidade produtiva de pastagens ao longo do tempo, com respeito ao meio ambiente e ao bem-estar dos animais.

As pesquisas têm como foco o desenvolvimento de tecnologias para atender as demandas relacionadas ao uso sustentável das pastagens, incluindo espécies forrageiras adaptadas às condições brasileiras nos diferentes biomas. O objetivo é aprimorar a atividade pecuária, garantindo o aumento da produtividade e da competitividade do setor, ao mesmo tempo em que reduz a pressão pela abertura de novas áreas e seu impacto ambiental.

Desafios para inovação

 
  • Assegurar a prestação de serviços ecossistêmicos de provisionamento, regulação e suporte de pastagens plantadas e naturais nos diferentes biomas brasileiros, incluindo sequestro de carbono.
  • Aumentar a persistência e a produtividade de pastagens implantadas em solos de baixa fertilidade.
  • Manejar de forma sustentável cigarrinhas, percevejos, pulguinha-do-arroz, lagartas, ácaros, manchas foliares, mosaico e viroses em pastagens plantadas e naturais.
  • Promover a fixação biológica de nitrogênio e a melhoria da dieta dos animais pela incorporação e ampliação do cultivo de leguminosas forrageiras em sistemas de produção agropecuários dos diferentes biomas.
  • Ampliar a persistência e a adaptação de pastagens implantadas em áreas de solos mal drenados nos biomas Amazônia e Pantanal.
  • Garantir a disponibilidade de forragem e a persistência das pastagens no Semiárido brasileiro para alimentação dos rebanhos ao longo do ano.
  • Garantir a disponibilidade de forragem e a persistência das pastagens sob condições de baixas temperaturas e geadas na região Sul.
  • Melhorar a performance de sistemas agropecuários dos biomas Caatinga, Pampa e Pantanal pelo manejo eficiente das pastagens naturais e adaptadas àqueles ambientes.
  • Produzir mais carne e leite a pasto pela redução do período de entressafra ou do vazio forrageiro de pastagens nos biomas Mata Atlântica, Cerrado, Pantanal, Amazônia e Pampa.
  • Reduzir os danos causados pela infestação de capim-annoni nas pastagens plantadas e naturais da região Sul.
  • Reduzir os danos decorrentes de plantas invasoras de pastagens cultivadas nos biomas Amazônia, Cerrado e Pantanal.
  • Indicar áreas aptas e estabelecer nível de risco edafoclimático para cultivo de forrageiras da marca Embrapa para a produção de forragem e/ou de sementes.

Comitê Gestor do Portfólio

O Comitê Gestor do Portfólio atua na definição dos desafios para inovação e no acompanhamento da carteira de projetos.
 

Presidente:

Secretário executivo:

Parcerias e negócios

O Modelo de Inovação Embrapa tem como enfoque a inovação aberta, que conta com parcerias desde o início dos projetos para compromisso com a inserção de ativos no mercado. Descubra como viabilizar soluções tecnológicas com a Embrapa que agregam valor aos negócios e possibilitam inovações ao setor produtivo agropecuário.

Acesse a página de Negócios e Vitrine de Tecnologias