Nossa história

O Prosa Rural começou a ser idealizado em 2003, a partir do interesse da Embrapa em criar um ambiente para divulgar tecnologias e outras informações que pudessem ser úteis para o dia a dia de inúmeras famílias rurais do Semiárido nordestino, como uma das várias linhas de ação do programa Fome Zero, do Governo Federal.

Mas foi 2004 o ano em que esta ideia finalmente se tornou realidade, na forma de uma boa prosa com muita informação e cultura, utilizando o rádio como o meio mais propício a esta ousada iniciativa. O Prosa Rural, inicialmente, fazia parte da programação de apenas cinquenta emissoras de rádio e era coordenado pela Embrapa Informação Tecnológica, em parceria com os diversos centros de pesquisa da Embrapa, na Região Nordeste.

 

Esta iniciativa rendeu frutos: ao final deste mesmo ano, a Embrapa já firmava parceria com mais emissoras dispostas a veicular o Prosa Rural gratuitamente, totalizando 423.

Em 2005 o Prosa Rural atingiu objetivos mais audaciosos, chegando à Região Norte e ao Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais. Para isso, era necessário criar uma programação diferenciada, pois a Região Norte tem clima e solo característicos, diferente de todo o resto do país e do Vale do Jequitinhonha, que, por sua vez, passou a receber a programação destinada ao Nordeste, já que apresenta condições ambientais que se assemelham às do Semiárido brasileiro.

De 2006 a 2008, o Prosa Rural amplia-se bastante, até chegar à dimensão dos dias de hoje, atingindo as regiões do Centro-Oeste (2006), Sudeste (2007) e Sul (2008).

É importante ressaltar que a realização do Prosa Rural só foi possível graças à união de esforços de pesquisadores e técnicos de toda a Embrapa, com centros de pesquisa localizados no país inteiro.

 

Ao longo de toda sua trajetória, o Prosa Rural tem tido reconhecimento da mídia especializada por meio de vários prêmios de destaque.