Quem somos 

"Preservando o passado e antecipando o futuro: os saberes tradicionais e as tecnologias de ponta em um só compasso"

Nos anos 70, a Food and Agriculture Organization (FAO) das Nações Unidas, estimulou o estabelecimento de uma rede mundial de Centros para Conservação de Recursos Genéticos, em regiões consideradas de alta variabilidade genética. Neste contexto, em 22 de novembro de 1974, a Embrapa criou o Centro Nacional de Recursos Genéticos (CENARGEN), que mais recentemente adotou a assinatura síntese Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia.

A Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia tem atuado fortemente no intercâmbio e quarentena de germoplasma vegetal, garantindo a continuidade dos programas de melhoramento genético da Embrapa, além de prevenir a introdução e dispersão de pragas agrícolas. O material introduzido e coletado no País é classificado e conservado a -20 C, constituindo a Coleção de longo prazo, conhecida como COLBASE, que atualmente possui mais de 140.000 acessos. As ações de conservação se completam com a criopreservação, conservação in vitro, in situ e on farm" de modo a salvaguardar os recursos genéticos e o saber tradicional contido nestes.

A Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia tem, ao longo dos anos, atuado no cenário nacional e internacional de forma a "Viabilizar soluções de pesquisa, desenvolvimento e inovação em recursos genéticos para a sustentabilidade da agricultura brasileira", o que tornou a sua missão.

Com o advento das biotecnologias, a geração de conhecimento e tecnologias teve um forte impulso na Unidade, acelerando a agregação de valor aos recursos genéticos. A Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia tem gerado conhecimento e patenteado produtos, processos e serviços, baseados em áreas como genômica, proteômica, metabolômica e bioinformática, contribuindo para o desenvolvimento e a sustentabilidade da agricultura nacional, com inovação e competitividade.


banco genético da Embrapa

 

 

Nossa missão 


"Viabilizar soluções de pesquisa, desenvolvimento e inovação em recursos genéticos para a sustentabilidade da agricultura brasileira"

 

Organograma 

organograma

Conheça o significado das siglas:

Chefia Geral – ChGE

  • Núcleo de Comunicação Organizacional – NCO
  • Núcleo de Tecnologia da Informação – NTI
  • Núcleo de Desenvolvimento Institucional – NDI
  • Núcleo de Gestão da Qualidade – NGQ
  • Núcleo de Gestão da Estação Quarentenária de Germoplasma Vegetal – NEQGV
  • Coordenação-Técnica do Sistema de Curadorias de Germoplasma – CTSC
  • Comitê Técnico Interno – CTI
  • Colegiado Estratégico Institucional – CEI
  • Comitê Assessor Externo – CAE

........................................................................................

Chefia Adjunta de Pesquisa e Desenvolvimento – ChPD

  • Núcleos Temáticos – NT
  • Núcleo de Apoio à Programação – NAP
  • Comitê Local de Publicações – CLP
  • Comissão Interna de Biossegurança – CIBio

........................................................................................

Chefia Adjunta de Transferência de Tecnologia – ChTT

  • Setor de Prospecção e Avaliação de Tecnologias – SPAT
  • Setor de Gestão da Implementação da Programação de Transferência de Tecnologia – SIPT
  • Comitê Local de Propriedade Intelectual – CLPI

........................................................................................

Chefia Adjunta de Administração – ChAA

  • Setor de Gestão de Infraestrutura – SGI
  • Setor de Gestão da Logística – SGL
  • Setor de Gestão de Patrimônio e Suprimentos – SPS
  • Setor de Gestão de Pessoas – SGP
  • Setor de Gestão Orçamentária e Financeira – SOF
  • Setor de Gestão de Contratos e Convênios – SCC
  • Setor de Gestão do Campo Experimental Fazenda Sucupira – SCEFS
  • Setor de Gestão do Campo Experimental Local – SCE
  • Setor de Gestão de Laboratórios – SGLA

........................................................................................

Regimento Interno

Documento básico de conduta e regulamentação das atividades e do funcionamento da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia e seu conjunto de departamentos e setores administrativos, para conhecer clique aqui.

 

Tem dúvidas ou perguntas, acesse o SAC (Serviço de Atendimento ao Cidadão)!