Curso "Diálogos agroecológicos sobre conservação
e uso de recursos genéticos e segurança alimentar"

Data de realização

De 14 a 16 de dezembro de 2016

Local

Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia

Público-alvo

Indígenas da etnia Xavante

Descritivo

Os participantes fazem parte da Rede de Juventude Indígena (REJUIND) e de projeto piloto denominado Tsirãpré Wahoimanadzé, que tem como objetivo conscientizá-los sobre a importância da biodiversidade do Cerrado. O curso compreende atividades na Embrapa Cerrados (Planaltina, DF), Embrapa Hortaliças (Gama, DF) e Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia (Cenargen), com o intuito de conhecer ações da empresa relacionadas ao manejo, métodos alternativos de proteção e conservação do solo, recursos hídricos, recuperação de áreas degradadas, diversidade de sementes e cultivos, entre outros potenciais do Cerrado.

Programação

14/12/2016 (quarta–feira)

Local: Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia
– Aspectos gerais da conservação e manejo.

 

  • 8h30 - Abertura do curso: Diretor de TT da Embrapa, Waldyr Stumpf; chefe-geral
    da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, José Manuel Cabral; chefe-geral
    da Embrapa Hortaliças, Jairo Vieira; representante da Funai, Neide Botrel,
    pesquisadora Terezinha Dias e a representante do povo indígena, Samantha Ròotsitsina - Auditório Assis de Bem
  • - Apresentação dos participantes indígenas Xavante/ Apresentação do curso e responsáveis em cada Unidade.
  • 10 horas - O povo Xavante, a contextualização da demanda
    e os desafios ao etnodesenvolvimento - Samantha Ro'otsitsina, mestre em Sustentabilidade.
  • 10h25 - Discussão/perguntas
  • 10h40 - Intervalo lanche
  • 10h55 - Panorama atual dos trabalhos da Embrapa com povos indígenas, pesquisas,
    desenvolvimento e capacitações. Apresentação programa do curso – Dra. Terezinha Dias
  • 11h15 – Discussão/perguntas
  • 11h30 - Sistema Nacional de Curadoria de Germoplasma – Dra. Dulce Alves
  • 11h50 - Discussão/ perguntas
  • 12h15 - Almoço
  • 13h30 - A coleção de base (COLBASE) da Embrapa - Dr. Juliano Pádua
  • 14 horas - Visita ao Banco Genético da Embrapa
  • 14h30hs - Batatas silvestres e cultivadas: parceria em conservação - Dr. Marcelo Brilhante
  • 15 horas - Discussão/ perguntas
  • 15h15 - Fava, variedades e conservação - Dra. Marília Burle
  • 15h45 - Discussões / perguntas
  • 16 horas - Intervalo lanche
  • 16h15 - Como revegetar o Cerrado? - Dr. Daniel Vieira
  • 16h45 - Discussão/perguntas
  • 17 horas: Roda de diálogo "Conservar como, para quê, para quem? – Dra. Terezinha Dias.


Dia 15/12/2016 (quinta–feira)

Local: Embrapa Hortaliças
– Cultivo e conservação de hortaliças

 

  • 8 horas – Recepção Embrapa Hortaliça (Chefia local, Dr. Nuno e equipe)
  • Apresentação geral
  • 8h30: "Os desafios da conservação dos recursos genéticos (das plantas, dos animais,
    de tudo que tem na Terra Indígena) e segurança alimentar do povo Xavante (Gedeão Tewaté, geógrafo)
  • 9 horas - Diálogos sobre hortaliças (Parte I)
  • 10 horas - Lanche
  • 10h15 – Diálogo sobre hortaliças (Parte II)
  • 11 horas – Visita aos BAGs (Hortaliças tradicionais, pimentas, batatas etc.)
  • 12 horas – Almoço
  • 14 horas – Diálogos sobre plantio de hortaliças na aldeia (o que é preciso fazer)
  • (Responsáveis - Embrapa Hortaliça: Nuno Madeira, Neide Botrel e Geovani Amaro)

Dia 16/12/2016 (sexta–feira)

Local: Aldeia do Altiplano
– Vivências agroecológicas

 

  • 8 horas – Abertura: Fabiana Mongeli Peneireiro (Aldeia do Altiplano)
    e Renata Pinho (Embrapa -  DTT) e apresentação geral participantes
  • 9 horas – Povo Xavante e desafios da Segurança Alimentar (Samantha Ro'otsitsina)
  • 9h30 – Vivências agroecológicas (Parte 1)
  • 12 horas – Almoço
  • 13h30 – Diálogo sobre alimentação
  • 15 horas - Vivências agroecológicas (Parte II)
  • (Responsáveis – Fabiana Mongeli Peneireiro, Renata Pinho - DTT/Embrapa)


 

Acompanhe eventos e cursos de nossa Unidade

Cursos

Eventos